Concursos Abertos Concursos 2022

Concurso Banco do Brasil: muitos se esquecem dessas matérias!

Ronaldo Fonseca Ronaldo Fonseca comentários
12/07/2021, às 17:27 • 2 meses atrás

Ei, preciso te alertar, pois sei que muitos que farão o concurso do Banco do Brasil, esquecem disso. E você que está aqui em um dos melhores e maiores cursos preparatórios do Brasil, não pode cometer este erro.

Se você já tiver lido o edital do Banco do Brasil, ou se tiver assistido uma das nossas lives, já sabe que 75% dos pontos estão concentrados em apenas 4 matérias.

E o que isso quer dizer? Quer dizer que você nunca poderá esquecer de dedicar mais do seu tempo para estudar essas 4 matérias. Isso é óbvio. Sem novidades, né?

Porém, há outras 4 matérias sorrateiras – e das quais muitos se esquecem. Elas estão quietinhas ali no canto, desprezadas. Tipo aquele ex-namorado(a) que ninguém mais lembra, mas aparece, do nada, para te infernizar.Prazer! Estamos falando de Inglês, Atualidades do Mercado Financeiro, Matemática e Matemática Financeira.

Estas disciplinas, as “desprezadas” receberam, cada uma, apenas 5 questões. E aí é que mora o problema. Você não pode zerar em nenhuma matéria. Precisa acertar pelo menos uma questão de cada uma delas. Ou estará eliminado(a). Vai continuar se esquecendo delas? Não, né?

Metade das pessoas que estão lendo aqui jé estão procurando uma ponte para se jogar. Pelo amor de Deus, não faça isso. Desculpe se te assustei, mas você precisa se preparar para essa realidade. Assim é a vida.


Vamos ver o que podemos aprender disso e como devemos agir?

  • Mantenha a calma. Não é porque você é ruim em matemática que não vai conseguir aprender o suficiente para não zerar. Vai sim. Só precisa de um bom professor e que te oriente neste sentido. E isso, eu sei, o Prof. Arthur Lima faz muito bem. E eu sei mesmo. Hoje trabalhamos juntos, mas eu fui seu aluno em 2013. E gabaritei minha prova de matemática. Eu te garanto: é possível perder esse medo até o dia da prova. Pode não ser possível dominar a matemática em 10 semanas. Mas você não quer dar aulas :”disso”, né?🙂
  • Há temas que sempre são mais cobrados pela Banca. Se você não conseguir estudar todos, escolha estes, domine-os e reze para que um deles apareça na prova.
  • Nossos alunos têm, além das aulas completas em vídeo e PDFs, encontros, ao vivo de Monitoria. Ali a gente vai pegar temas importantes de matemática e explicar, de novo, bem devagar para que todos possam evoluir mais rápido. Legal, né? E não vamos cobrar nada a mais por isso. Nossos alunos, matriculados, terão acesso . Ainda não é aluno? Resolva isso agora. Usa o cupom RONALDO20 e seja feliz…
  • Inglês – aqui você precisa de boa orientação! E não adianta correr para aulas particulares de Inglês ou tentar fazer um CCAA agora, né? Temos uma dupla de professoras de alto nível e que te ensinam a fazer provas de Inglês para a Cesgranrio! E já te adianto: é mais fácil que aprender matemática….rs. Acho que minha comparação foi infeliz, mas é verdade…
  • Atualidades do mercado financeiro – a mais fácil das quatro. Basta ler o conteúdo ensinado pelos professores do Direção e praticar. Não há grandes dificuldades. Basta estudar e você não vai zerar. Não mesmo.

E tem uma quinta matéria, mas desta tratarei em outro artigo: mas essa não é desprezada. É aquele(a) crush que parece inatingível. “Ai, ele não vai querer nada comigo…” E aí você desiste, pois acha que “ele(a) é muita areia para o seu caminhãozinho. E se está meio desanimado(a), leia esse artigo sobre o porquê as pessoas abandonam seus sonhos.

E se quiser receber mais alertas sobre artigos como este, segue meu Instagram: @profronaldofonseca

Te espero por lá! E rumo ao Banco do Brasil!

banco do brasil banco do brasil 2021 concurso banco do brasil concurso banco do brasil 2021 concurso bb concurso bb 2021 edital banco do brasil edital banco do brasil 2021 edital bb edital bb 2021

Ronaldo Fonseca

Aprovado nos concursos da Petrobras e de Auditor Fiscal da SEFAZ/SP (atualmente). Experiência como palestrante, coach, professor e coordenador especializado em concursos públicos.

Comentários