Logo Direção Concursos
Pesquisa
Banner artigos

Recurso SEDF – Conhecimentos Complementares e Conhecimentos Específicos – Atividades

icons
icons
icons
icons
icons
Imagem do autor do artigo

Jaqueline Santos14/10/2022

14/10/2022

Olá, galera! Tudo bem???

Seguem as minhas sugestões de recursos para as Provas de Orientador Educacional e Professor de Educação Básica – Conhecimentos Complementares e Conhecimentos Específicos – Atividades. É importante salientar que vocês devem fazer o seu recurso parafraseando. Jamais copie as mesmas argumentações que eu utilizei. Use-as enquanto referência.

Agora, as citações dos autores, obras do Ministério da Educação para fundamentar os recursos, vocês podem copiar plenamente para motivar o seu recurso. Para você ficar sabendo de todos os trâmites do concurso da SEDF, com os recursos pós-provas e todos os processos até chegar a posse, entre agora em nosso telegram para ficar bem informado.

Além disso, siga-me nas redes sociais @professorajaquelinesantos e o canal do Youtube: Professora Jaqueline Santos

Espero ter ajudado nesse processo dialógico e de suporte ao conhecimento!

Um grande abraço!

Estou torcendo pela sua aprovação!

Recurso – SEDF

Provas Matutino – 09/10

Conhecimentos Complementares – Orientador Educacional e demais áreas específicas

– Não possuímos questões que cabem recurso.

Prova Vespertino – 09/10

Conhecimentos Complementares – Atividades

– Não possuímos questões que cabem recurso.

Conhecimentos Específicos – Atividades

Prova Tipo C

39. A didática, mediante conhecimentos científicos e filosóficos, investiga a realidade educacional em transformação, para explicitar objetivos e processos de intervenção metodológica e organizativa referentes à transmissão/assimilação de saberes e modos de ação.

Gabarito dado pela banca: Errado.

Segundo Libâneo (1994, págs. 24,25): “A Didática é o principal ramo de estudos da Pedagogia. Ela investiga os fundamentos, condições e modos de realização da instrução e do ensino. A ela cabe converter objetivos sócio-políticos e pedagógicos em objetivos de ensino, selecionar conteúdos e métodos em função desses objetivos, estabelecer os vínculos entre ensino e aprendizagem, tendo em vista o desenvolvimento das capacidades mentais dos alunos.

A didática é apresentada de maneira ampla em relação com a pedagogia, o que significa dizer que a ela participa também dos objetivos e processos de intervenção relacionando o ensino e aprendizagem. A metodologia é campo de ocupação do estudo da didática no processo de transmissão e assimilação da matéria nova.

E ainda destaca sobre o processo de transmissão de assimilação dos conteúdos:

“O ensino tem, portanto, como função principal assegurar o processo de transmissão e assimilação dos conteúdos do saber escolar (…) ” (LIBÂNEO, 2013, p. 85).

De acordo com as referências do autor Libâneo (1994), solicito a alteração do gabarito para correto.

43. A distinção entre o pedagogo e o docente reside no local de atuação: enquanto a docência acontece em sala, a pedagogia ocorre na escola, como um todo.

Gabarito dado pela banca: Errado.

Temos a referência do campo do trabalho do Pedagogo em vários pontos com autor LIBÂNEO (2008, p.33):

[…] pedagogo é o profissional que atua em várias instâncias da prática educativa, direta ou indiretamente ligadas à organização e aos processos de transmissão e assimilação de saberes e modos de ação, tendo em vista objetivos de formação humana […]

Ainda de acordo com LIBÂNEO (2002, p.61):

 “A atuação do pedagogo escolar é imprescindível na ajuda aos professores no aprimoramento do seu desempenho na sala de aula […] na análise e compreensão das situações de ensino com base nos conhecimentos teóricos […] na vinculação entre as áreas de conhecimento pedagógico e o trabalho de sala de aula […] considerando – se a variedade de níveis de atuação do profissional pedagogo, a que se convir que os problemas, os modos de atuação e os requisitos de exercício profissional nesses níveis não são necessariamente da mesma natureza, ainda que todos sejam modalidades de práticas pedagógicas.”

Outra referência bibliográfica sobre o mesmo ponto afirma que: “Os pedagogos são profissionais necessários na escola: seja nas tarefas de administração (entendida como organização racional do processo de ensino e garantia de perpetuação desse processo no sistema de ensino, de forma a consolidar um projeto pedagógico-político de emancipação das camadas populares), seja nas tarefas que ajudem o(s) professor(res) no ato de ensinar, pelo conhecimento não apenas dos processos específicos de aprendizagem, mas também na articulação entre os diversos conteúdos e a busca de um projeto pedagógico político coerente.” PIMENTA (1991, p. 151.

Outro autor faz a abordagem: “[…] o papel do pedagogo é fundamental na organização de um trabalho pedagógico coerente. No entanto, as ações pedagógicas são desenvolvidas em diferentes setores que compõem a organização escolar, fato este que torna o processo coletivo e não individual. O entendimento, de senso comum, que um profissional é o grande responsável pela transformação da escola é um terrível engodo. O pedagogo exerce um papel central com articulador do processo educativo, mas, sozinho não tem poder para estimular a participação da comunidade na gestão da escola. Esse é um desafio político e social, engendrado em bases complexas da organização da sociedade, extrapolando as ações pelas quais o pedagogo responde.” CARBELLO (2012, p. 11)

Sobre as características do processo de ensino, LIBÂNEO (1994, pg.79): “O trabalho docente fica restrito às paredes da sala de aula, sem preocupação com a prática da vida cotidiana das crianças (…)”

Logo, percebe-se em várias citações que temos o papel amplo do Pedagogo, que ocorre na escola como um todo, conforme as diversas referências bibliográficas. Portanto, solicita-se a alteração de gabarito para Correto.

53. O processo de ensino e aprendizagem, no âmbito da matemática, passou a focar os recursos e as técnicas de ensino, proporcionando ao aluno a capacidade de resolver os exercícios e problemas –padrão, mas em um sentido mecânico e repetitivo – o que evidencia a influência da tendência tecnicista.

Gabarito dado pela banca: Correto

O enunciado da questão aborda uma perspectiva atual/transformadora voltada para os dias de hoje, o que induz ao candidato julgar o item nesta linha. Dentro deste parâmetro, o item apresenta características da abordagem pedagógica Tendência Pedagógica Tecnicista, o que leva ao erro do candidato no cabe a julgar a questão.

Portanto, solicito a alteração do gabarito para Errado.

62. O currículo deve prever espaços de interação entre as crianças sem a mediação direta do professor e espaços de aprendizagem na interação com os adultos, nos quais as crianças sejam as protagonistas.

Gabarito dado pela banca: Correto

Nenhuma prática pedagógica dentro do âmbito do processo de ensino ocorre sem a mediação direta do professor. Isso não significa dizer que não pode ter interações com outras crianças e adultos, o que amplia o seu processo de aprendizagem. Conforme desta a própria Base Nacional Comum Curricular, que serve de referência para os sistemas de ensino elaborarem os seus devidos currículos.

Segundo a BNCC (pg.39):

“A interação durante o brincar caracteriza o cotidiano da infância, trazendo consigo muitas aprendizagens e potenciais para o desenvolvimento integral das crianças. Ao observar as interações e a brincadeira entre as crianças e delas com os adultos, é possível identificar, por exemplo, a expressão dos afetos, a mediação das frustrações, a resolução de conflitos e a regulação das emoções.”

“Ainda de acordo com as DCNEI, em seu Artigo 9º, os eixos estruturantes das práticas pedagógicas dessa etapa da Educação Básica são as interações e a brincadeira, experiências nas quais as crianças podem construir e apropriar-se de conhecimentos por meio de suas ações e interações com seus pares e com os adultos, o que possibilita aprendizagens, desenvolvimento e socialização. A interação durante o brincar caracteriza o cotidiano da infância, trazendo consigo muitas aprendizagens e potenciais para o desenvolvimento integral das crianças. Ao observar as interações e a brincadeira entre as crianças e delas com os adultos, é possível identificar, por exemplo, a expressão dos afetos, a mediação das frustrações, a resolução de conflitos e a regulação das emoções.”

Além disso, temos também a referência da grande obra Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil – Introdução sobre a mediação do professor entre as crianças BRASIL(1998):

“A intervenção do professor é necessária para que, na instituição de educação infantil, as crianças possam, em situações de interação social ou sozinhas, ampliar suas capacidades de apropriação dos conceitos, dos códigos sociais e das diferentes linguagens, por meio da expressão e comunicação de sentimentos e ideias, da experimentação, da reflexão, da elaboração de perguntas e respostas, da construção de objetos e brinquedos etc. Para isso, o professor deve conhecer e considerar as singularidades das crianças de diferentes idades, assim como a diversidade de hábitos, costumes, valores, crenças, etnias etc. das crianças com as quais trabalha respeitando suas diferenças e ampliando suas pautas de socialização. Nessa perspectiva, o professor é mediador entre as crianças e os objetos de conhecimento, organizando e propiciando espaços e situações de aprendizagens que articulem os recursos e capacidades afetivas, emocionais, sociais e cognitivas de cada criança aos seus conhecimentos prévios e aos conteúdos referentes aos diferentes campos de conhecimento humano. Na instituição de educação infantil o professor constitui-se, portanto, no parceiro mais experiente, por excelência, cuja função é propiciar e garantir um ambiente rico, prazeroso, saudável e não discriminatório de experiências educativas e sociais variadas.

Em todo o processo pedagógico temos a figura do professor, enquanto agente do processo educativo e isso não pode deixar de dar o destaque no importante trabalho do professor. Portanto, solicito a alteração do gabarito para Errado.

Estude para qualquer concurso!

Uma condição especial nas nossas assinaturas está disponível para você que quer aproveitar o melhor momento na história dos Concursos Públicos.

Fizemos valores acessíveis para todos os bolsos!!!

Aqui está um pouco do que te espera:

  • Sistema de Questões: Acelere o seu progresso e tenha um treino focado nas suas reais necessidades.
  • Professores Experientes: Não é só sobre ensinar, é sobre mostrar o caminho da aprovação. Nossos professores concursados já viveram tudo que você está vivendo e vão te guiar.
  • Aulas em vídeo e PDF para mais de 220 concursos (inclusive o Concurso Nacional Unificado) e muito mais!

Não deixe para depois, muitos editais com salários generosos previstos serão publicados a qualquer momento. 

Quanto antes você garantir os melhores recursos para conquistar a aprovação, melhor!

Jaqueline Santos

Jaqueline Santos

Formada em Pedagogia pela Universidade de Brasília – UnB. Coordenadora das Carreiras Educacionais. Atualmente é Professora da Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal – SEEDF. Foi também aprovada para os cargos Professora Pedagogia – Educação Infantil e Anos Iniciais – Cristalina – Go e Professora Pedagogia Educação Infantil e Anos Iniciais – Porto Nacional – To. É professora também de Cursos Presenciais para Concursos Públicos - Carreiras Educacionais.

Tenha acesso completo a todo o conteúdo do Direção Concursos

Acesse todas as aulas e cursos do site em um único lugar.

Cursos Preparatórios para Concursos Públicos em destaque

1 | 11

Receba nossas novidades!

Fique por dentro dos novos editais e de todas as principais notícias do mundo dos concursos.

Utilizamos cookies para proporcionar aos nossos usuários a melhor experiência no nosso site. Você pode entender melhor sobre a utilização de cookies pelo Direção Concursos e como desativá-los em saiba mais.