“Não tenho tempo para estudar…” Tem SIM! Quer ver?

por: Ronaldo Fonseca | jun 12 2019 | Direção Concursos, Espaço Concurseiro | 13 comments
atrapalha estudos concursos

Se você sempre diz que não tempo para estudar ou para resolver seus problemas, tenho uma ótima notícia para te dar. Olha esta estatística do nosso querido Brasil. Já te adianto: você realmente tem tempo para estudar. Reserve 5 minutos e comprove isso. Mas leia com calma e sem raiva (de mim ou de você) 🙂

O cidadão brasileiro, em média, dedica mais de 30 horas semanais à internet! Isso mesmo. E mais umas 30 horas semanais vendo TV! Não estou exagerando! São SESSENTA horas com atividades que normalmente NÃO te LEVAM A LUGAR ALGUM.

“Ain, Ronaldo. Você é grosso!”. Não. Sou realista…rs. Estou tentando abrir sua mente. Se você quiser parar e reavaliar sua rotina, continue. Se não deseja, nem continue lendo. Mantenha a ilusão de que está tudo bem.

Ah, você quis continuar? Parabéns! Estamos juntos nessa!

Vamos voltar às contas: são mais de 3.000 horas anuais por ano que jogamos no ralo (sim, eu também preciso melhorar). E é isso aí, somos campeões mundiais em tempo gasto em redes sociais. Somos um verdadeiro laboratório para essas empresas. Ou melhor: somos ratinhos. Ratinhos improdutivos de laboratório.

“Ah, mas eu só vejo TV com rede social ligada. Então não gasto 3 mil horas…” Tá bom, tá bom. Digamos que sejam 1.500 horas. É bastante, ou não é? É mais do que uma pós graduação por ano! Só de memes, vídeos repetidos, fake news e afins…

Minha meta é apenas alertar para possíveis ladrões do seu tempo. Vamos juntos nessa?

Para começar, marque em quantos desses itens está investindo seu tempo.
  • Você usa muito o Facebook/Instagram?
  • Você vê novela? Mais de uma?
  • Gosta de internet, não é?
  • Acorda e fica rolando na cama?
  • E o “Zap Zap”, hein? Muitos vídeos são engraçados, é verdade.
  • E os joguinhos no celular? Já está sem espaço na memória?
  • Viciado na Netflix. Cada série boa, né?
  • Baladeiro(a) profissional?

Agora veja essa tabelinha de horas gastas. Peguei leve! Veja que estimei algumas horas semanais para cada atividade.

Viu esses exemplos aí de cima? Pois bem. Peguei leve. E o total é de 40 HORAS SEMANAIS! Isso mesmo! 40 HORAS por semana. Ou seja, 2080 horas por ANO! Isso daí é tempo suficiente para disputar as primeiras colocações em concursos como INSS, Tribunais….todos pagando mais de R$ 5.000,00 por mês. E é tempo suficiente para se destacar na preparação para áreas pesadas, como a fiscal.

Não entendeu como cheguei nesse número absurdo? Estimei algumas horas semanais para cada atividade. Por exemplo: se você fica uma hora por dia no Instagram ou Facebook, chegamos em 7 horas semanais (você fica mais tempo que isso, eu sei…rs. Se você assiste a uma novela por dia, já são mais 6 horas por semana. Se fica 1h20min na academia quando podia ficar apenas 1h, já perde mais 2 horas por semana. E por aí vai…

Com duas mil horas você pode fazer CINCO, eu disse CINCO pós graduações por ano.

“-Ah, mas eu não posso me divertir? É isso??”

– Não, de forma alguma! A diversão e equilíbrio são muito importantes. Se você consegue estudar bem e fazer todas as atividades acima, ótimo. Sem problemas. Mas se não consegue estudar o tempo suficiente que seu concurso demanda e consegue fazer toda a listinha acima, aí sim temos um problema. Esse é o “detalhe”.

Vou repetir alguns dos itens da lista e pedir que faça uma avaliação.

1)Você tem Instagram ou Facebook? Se tem, ligue o “temporizador” toda vez que for usá-lo. Você vai ver facilmente como 30 minutos passam rápido. Há muito o que se aproveitar nas redes sociais, mas você perde muito mais do que ganha quando estuda para concursos e usa as redes sociais sem controle e consciência.

2) Você vê novela? Se conseguir parar de assistir, já conseguiu uma hora por dia. Vê 3 novelas por dia?? Já são 3 horas ou 936 horas por ano!! Não, eu não digitei errado. Há pessoas que “não tem tempo” e que consomem esse tempo todo vendo novelas. Não estou criticando quem as vê, apenas alertando. Mas você quer passar em concursos, certo? As novelas não vão acabar, acredite. Depois que for aprovado(a), poderá ver todas, inclusive as que tiver perdido.

3) Gosta de internet, não é? Faça o mesmo que indiquei sobre o Instagram. Cronometre. Imponha limites a você mesmo.

4) Acorda às 6 da manhã mas fica rolando na cama até às 6:30? Mais de 150 horas de estudo que poderiam ser aproveitados no seu ano. Que tal pular da cama amanhã, assim que o despertador tocar? Tente fazer isso amanhã e perceba como vai poupar um tempo absurdo!

5) Acorda e já acessa as redes sociais? Mude esse hábito! Deixe um livro na cabeceira. Ao acordar, tente ler por 20 a 30 minutos antes de qualquer rede social. Você vai desenvolver seu vocabulário, seu poder de escrita e interpretação. Ou seja, vai ler por quase 200 horas por ano, sem perceber. E vai melhorar as notas em redações e provas de Língua Portuguesa. Mas isso você VAI perceber.

6) E o Whats, hein? Quantos grupos legais de que você participa, não é? E várias vezes, você recebe as mesmas piadas em vários deles. Aqui, é mais difícil cronometrar, mas há aplicativos para seu smartphone que contabilizam quantas vezes você ligou o aparelho por dia. Você vai se surpreender com a quantidade. Quer uma dica que de nova não tem nada? Desligue todas as notificações, silencie todos os grupos e olhe todas as mensagens de uma só vez e em poucas vezes por dia. Duvido que não economize pelo menos 30 minutos por dia, ou…. + 150 horas por ano.

7) E os joguinhos no celular? No metrô, ônibus, fila de consultórios, na farmácia ou…durante a aula(!), eles estão sempre presentes na maior parte dos telefones. O problema não é o joguinho. O problema é o excesso, a falta de controle e de priorização. Eu adoro jogos e sempre fui viciado em videogames e fliperamas (coisa de véio), mas precisei fazer escolhas e até hoje as faço. Para investir tempo para pesquisar sobre esse artigo e escrevê-lo, precisei deixar outras tarefas de lado. E deixei algum dos “lazeres”acima, de lado também.

8) Viciado nos seriados e Netflix, e afins e baladeiro (a)? Bom, a dica é a mesma. Séries são perigosas, principalmente quando você termina um capítulo e já quer ver o próximo. Entre ver os últimos episódios de Breaking Bad ou Game of Thrones e estudar Direito Constitucional, dá até pena do pobre Direito….rs. Ou seja, além das horas vendo as séries, há o risco de se atrapalhar o sono fazendo “maratonas” Netflix” e afins. Se você tem autocontrole e consegue ver apenas um episódio, meus parabéns! Eu não consigo…rs. E sobre as baladas: é impossível ir dormir de madrugada e estar pronto para estudar no dia seguinte. Portanto, ao escolher um dia para sair, dê preferência para fazê-lo na véspera do seu dia semanal de descanso (sim, descansar também é importante).

Vamos encerrar….

Sim, sei que às vezes a pessoa faz algumas dessas atividades da lista (face, whattaspp…) durante o trabalho. Esse número de mais de DUAS MIL HORAS é para chocar mesmo e trazer a pessoa para a realidade. Mas vamos lá: se você faz isso tudo no trabalho, não daria para ler uma lei seca? Ou fazer exercícios? Ou revisar o material? É, sei que sou chato.  Não deixo você escapar, não é?

Depois que você passar vai ter tempo para ler, jogar, ver novela, BBB, dormir e fazer tudo o que quiser. Mas vai fazer tudo isso sem peso na consciência. Vai ter a certeza de que terá cumprido sua missão e de que não está deixando suas responsabilidades de lado para (só) se divertir.

Lembre-se: busque (sempre) o equilíbrio e não se esqueça de fazer uma auto avaliação constante. Olha em volta e busque pequenas brechas, ou pequenas rachaduras em seu tempo que poderão se transformar em centenas de horas de estudos. Ou, milhares não é mesmo? 🙂

Se quiser manter contato comigo, me adicione no Instagram (@profronaldofonseca) ou pelo e-mail [email protected]

Um forte abraço

Ronaldo Fonseca

Ronaldo Fonseca
Ronaldo Fonseca Aprovado nos concursos da Petrobras e de Auditor Fiscal da SEFAZ/SP (atualmente). Experiência como palestrante, coach, professor e coordenador especializado em concursos públicos. Veja outras publicações do autor
#artigo ronaldo fonseca concursos publicos #atrapalha estudos concursos #como estudar para concursos #estudos concursos publicos
Comentários

Central de Atenção ao Aluno