Concursos Abertos Concursos 2020

Preparados para o Teste ANPAD? Confira questões resolvidas!

Hugo Lima Hugo Lima comentários
03/09/2020, às 12:32 • 3 semanas atrás

O Teste ANPAD de setembro se aproxima. A prova será aplicada em versão on-line em 13/09/2020.

Conforme aviso no site da ANPAD, “devido a situação atual por conta da pandemia da Covid-19, a Edição de Setembro de 2020 do Teste ANPAD será realizada única e exclusivamente em versão on-line“, tanto na modalidade de Orientação Acadêmica quanto na Orientação Profissional.

Trata-se de algo inédito da história da ANPAD e, caso funcione bem, não há porque não continuar sendo on-line, concorda?

Se você vai fazer essa prova agora não deixe de conferir o Guia de Uso da plataforma de realização do Teste ANPAD versão On-line , as Perguntas e respostas sobre o Teste ANPAD versão On-line e realizar a instalação do software MSB (navegador seguro).

É importante que isso seja feito antes do dia da realização do exame, a fim de evitar transtornos.

Faça o Download do navegador seguro aqui e também o teste de compatibilidade.

teste anpad

As inscrições para a edição de Setembro já se encerraram mas, caso você tenha perdido, pode fazer a edição de novembro, que vai ocorrer em 22/11/2020.

Inclusive, em notícia recente da UFMS, serão ofertadas novas vagas para o ano de 2021 para o Mestrado Profissional em Administração Pública em Rede Nacional – ESAN/UFMS, com previsão do edital de seleção para Janeiro de 2021.

Na ocasião foi recomendada expressamente que os candidatos interessados realizassem o TESTE ANPAD (https://testeanpad.org.br/), na modalidade ORIENTAÇÃO ACADÊMICA, em novembro de 2020. Para você que tem em mente realizar um mestrado desse tipo, ir bem no Teste ANPAD é um divisor de águas.

Para isso, você pode contar com os nossos cursos. Clique abaixo:

teste anpad
Confira os cursos do Direção para esta área de estudos

Participe do nosso canal no Telegram para receber as artigos e informações a respeito do Teste Anpad. Procure Teste Anpad no Telegram ou clique aqui.

Agora, pensando na proximidade da sua prova, vamos resolver três questões da última prova da ANPAD, aplicada em março de 2020, de raciocínio lógico. Vem comigo!

Questões resolvidas teste ANPAD 2020

1) ANPAD – 2020)

Considere as proposições lógicas simples p e q definidas a seguir:

p: O carro de João não é azul nem é verde;

q: Jorge tem um carro amarelo, ou Roberto tem um carro amarelo.

Considere a seguinte proposição:

O fato de nem Jorge nem Roberto terem um carro amarelo é necessário para que o carro de João seja azul ou verde.

A última proposição dada é simbolicamente representável por

A) ~(p –> q).

B) (~p) ^ (~q).

C) (~p) v (~q).

D) (~q) –> (~p).

E) (~p) –> (~q).

RESOLUÇÃO:

Em uma condicional p –> q, podemos sempre afirmar que:

– p é uma condição suficiente para q;

– q é uma condição necessária para p.

A proposição dada foi: o fato de [nem Jorge nem Roberto terem um carro amarelo] é necessário para que [o carro de João seja azul ou verde].

Colocamos entre colchetes as proposições de interesse. Como temos uma condição necessária, podemos reescrever a proposição como uma condicional, encontrando:

Se [o carro de João é azul ou verde] então [nem Jorge nem Roberto tem um carro amarelo]

Foi dado p: O carro de João não é azul nem é verde. Trata-se de uma conjunção. Obtendo a negativa ~p chegamos a: o carro de joão é azul ou verde.

Foi dado q: Jorge tem um carro amarelo, ou Roberto tem um carro amarelo. Trata-se de uma disjunção. Obtendo a negativa ~q chegamos a: nem Jorge nem Roberto tem um carro amarelo.

Logo, a condicional antes obtida pode ser reescrita substituindo as proposições entre colchetes:

Se ~p então ~q , que é o mesmo que (~p) –> (~q)

RESPOSTA: E

2. ANPAD – 2020)

Sejam p e q proposições lógicas simples dadas e E(p,q) uma proposição lógica composta a partir de p e q. Sabe-se que os valores lógicos assumidos pelas proposições p, q e E(p,q) são tais que a proposição E(p,q) –> [(~p) v q] é falsa.

É necessariamente falso o valor lógico da proposição

A) E(p,q) –> p.

B) E(p,q) –> (~q).

C) E(p,q) –> (p v q).

D) E(p,q) –> (p ^ q).

E) E(p,q) –> [p ^(~q)]

RESOLUÇÃO:

A proposição E(p,q) –> [(~p) v q] é uma condicional falsa, ou seja, necessariamente temos que E(p,q) é V enquanto [(~p) v q] é F. Para que esta disjunção seja falsa, é necessário que (~p) seja F assim como que q seja F. Isso nos leva ao fato de que p é V e q é F. Além disso, já sabemos que E(p,q) é V. Logo, com esses valores lógicos em mente, vamos analisar as alternativas de resposta para ver qual é necessariamente falsa:

A) E(p,q) –> p

Aqui temos V –> V que é uma condicional verdadeira.

B) E(p,q) –> (~q).

Aqui temos V –> V que é uma condicional verdadeira.

C) E(p,q) –> (p v q).

Aqui temos V –> V que é uma condicional verdadeira.

D) E(p,q) –> (p ^ q).

Aqui temos V –> F que é uma condicional falsa, sendo este o gabarito da questão.

E) E(p,q) –> [p ^(~q)].

Aqui temos V –> V que é uma condicional verdadeira.

RESPOSTA: D

3.ANPAD – 2020)

Sejam a e b dois números racionais.

Para que seja válida a igualdade a + 3 √ 2 = 1 + b √ 2, é necessário e suficiente que:

A) b = 3a.

B) a + b = 4.

C) a = 1 e b = 3.

D) a = 1/3 e b = 1.

E) a = k e b = 3k, para algum número k inteiro e não nulo.

RESOLUÇÃO:

Comparando os dois lados da igualdade a + 3 √ 2 = 1 + b √ 2 é fácil concluir que a deve ser 1 e b deve ser 3. Vamos analisar as alternativas de resposta:

A) b = 3a

Essa condição é insuficiente. Imagine que b seja 5, o que nos leva a a = 15. Substituindo na igualdade teríamos 15 + 3 √ 2 = 1 + 5 √ 2 , o que é incorreto.

B) a + b = 4.

Essa condição é insuficiente. Imagine que b seja 5, o que nos leva a a = -1. Substituindo na igualdade teríamos -1 + 3 √ 2 = 1 + 5 √ 2 , o que é incorreto.

C) a = 1 e b = 3.

Essa condição é suficiente. Substituindo na igualdade teríamos 1 + 3 √ 2 = 1+ 3 √ 2 , o que é correto. Além disso, essa condição é necessária, uma vez que somente para esses valores de a e b teremos uma igualdade válida. Esse é o gabarito.

D) a = 1/3 e b = 1.

Essa condição é insuficiente. Substituindo na igualdade teríamos 1/3 + 3 √ 2 = 1 + √ 2 , o que é incorreto.

E) a = k e b = 3k, para algum número k inteiro e não nulo.

Essa condição é insuficiente. Imagine que k seja 2, o que nos leva a b = 6 e a = 2. Substituindo na igualdade teríamos 2 + 3 √ 2 = 1 + 6 √ 2 , o que é incorreto.

RESPOSTA: C

Lembre-se que estamos a sua disposição para ajudar a conseguir um resultado satisfatório no Teste ANPAD, por meio dos nossos cursos:

teste anpad
Confira os cursos do Direção para esta área de estudos

Abraços!

como estudar anpad como passar anpad prova anpad teste anpad

Comentários