Concursos Abertos Concursos 2020

Concurso DIPLOMATA: Instituto Rio Branco publica edital; 25 vagas

Maurício Miranda Sá Maurício Miranda Sá comentários
30/06/2020, às 08:47 • 4 dias atrás

O Diário Oficial da União tornou público o concurso Diplomata 2020, para o provimento de 25 vagas na classe inicial de terceiro-secretário.

As provas serão organizadas para Instituto Rio Branco, com a colaboração da banca IADES.

Já conhece a Assinatura Ilimitada Digital do Direção Concursos?

O Qconcursos e o Direção Concursos se uniram para disponibilizar uma solução completa de estudos para concursos públicos. É teoria e prática na medida certa e em um único lugar. Pague por mês e não comprometa o limite do seu cartão.

concurso pcdf e outros

O concurso Diplomata 2020 contará com três (3) etapas distintas: a primeira de provas objetivas, na modalidade CERTO e EERADO, a segunda e terceira de provas escritas. Confira:

  • a) Primeira Fase: prova objetiva, constituída de questões do tipo CERTO ou ERRADO de língua portuguesa, língua inglesa, história do Brasil, história mundial, política internacional, geografia, economia e direito, de caráter eliminatório, e que habilitará os candidatos a se submeterem à fase seguinte;
  • b) Segunda Fase: provas escritas de língua portuguesa e língua inglesa, de caráter eliminatório e classificatório.
  • c) Terceira Fase: provas escritas de história do Brasil, geografia, política internacional, economia, direito e língua espanhola e língua francesa, de caráter eliminatório e classificatório.

A primeira fase do concurso será realizada nas 26 capitais brasileiras e no DF. As demais fases só serão realizadas nas capitais onde houve aprovados na primeira fase.

A aprovação no concurso habilitará os candidatos para duas (2) etapas:

  • a) ingressar em cargo da classe inicial da carreira de diplomata (terceiro-secretário), de acordo com a ordem de classificação obtida e com o número de vagas oferecidas; e
  • b) matricular-se no Curso de Formação de Diplomatas do Instituto Rio Branco, cuja conclusão constitui condição essencial para a confirmação do servidor no Serviço Exterior Brasileiro.
todos os cursos
Clique na imagem e confira todos os cursos do Direção!

Concurso Diplomata: quanto recebe um servidor em início de carreira?

Aqueles que alcançarem o objetivo irão receber, inicialmente, como terceiro-secretário, o valor de R$ 19.199,06, competindo, aos servidores da carreira, atividades de natureza diplomática e consular, em seus aspectos específicos de representação, negociação, informação e proteção de interesses brasileiros no campo internacional.

Os ocupantes de cargo da carreira de diplomata estão sujeitos à observância estrita das normas que regem o funcionamento do Ministério das Relações Exteriores (MRE) e do Serviço Exterior Brasileiro (SEB), cujos dispositivos explicitam aspectos que determinam o perfil profissional do servidor da carreira de diplomata.

Cargos, vagas, inscrições e provas

Conforme já mencionado, a disputa do concurso Diplomata se dará na carreira de terceiro-secretário e serão colocadas 25 vagas, sendo essas divididas em 18 (ampla concorrência), cinco (negros), duas (pessoas com deficiência). Confira:

Serão aprovados, porém, aqueles que ficarem dentro da seguinte colocação final:

As inscrições se darão entre os dias 6 de julho e 9 de agosto (2020), com taxa no valor de R$ 224. Para efetuar, basta clicar neste link e ir direto ao site oficial da banca IADES.

A prova objetiva da primeira fase será realizada na data provável do dia 30 de agosto em dois períodos: o primeiro, iniciando-se às 9 horas e 30 minutos, com duração de 3 horas; e o segundo, iniciando-se às 15 horas, com duração de 3 horas.

Concurso Diplomata: fases

  • Primeira fase

A prova objetiva da Primeira Fase será constituída de 73 questões, conforme o quadro a seguir:

Serão convocados para a Segunda e terceira fases os candidatos classificados dentro dos números previstos no quadro a seguir, respeitados os empates na última colocação:

  • Segunda fase

As provas escritas de língua portuguesa e inglesa consistirão dos seguintes requisitos e tipo de cobrança:

Português:

A prova escrita de língua portuguesa será aplicada nas capitais onde houver candidatos aprovados na Primeira Fase, na data provável de 27 de setembro de 2020, e terá duração de 5 horas, com início às 14 horas.

Inglês:

A prova escrita de língua inglesa será aplicada nas capitais onde houver candidatos aprovados na Primeira Fase, na data provável de 28 de setembro de 2020, e terá duração de 5 horas, com início às 14 horas.

  • Terceira fase:

As provas escritas de história do Brasil, de política internacional, de geografia, de economia, de direito e direito internacional público e de língua espanhola e língua francesa, consistirão dos seguintes requisitos e tipo de cobrança:

As provas escritas da terceira fase terão duração de 4 horas cada e serão aplicadas nas capitais onde houver candidatos aprovados na Segunda Fase, nas datas prováveis de:

  • a) 31 de outubro de 2020: Prova de história do Brasil, iniciando-se às 9 horas;
  • b) 31 de outubro de 2020: Prova de geografia, iniciando-se às 15 horas;
  • c) 1º de novembro de 2020: Prova de política internacional, iniciando-se às 9 horas;
  • d) 1º de novembro de 2020: Prova de economia, iniciando-se às 15 horas;
  • e) 2 de novembro de 2020: Prova de direito, iniciando-se às 9 horas; e
  • f) 2 de novembro de 2020: Prova de língua espanhola e língua francesa, iniciando-se às 15 horas.

Resumo concurso Diplomata 2020

  • banca: Instituto Rio Branco e IADES
  • cargo: terceiro-secretário
  • vagas: 25
  • salário: R$ 19.199,06 iniciais
  • edital neste link
concurso diplomata diplomata edital publicado concurso diplomata

Maurício Miranda Sá

Jornalista no Direção Concursos e Servidor Público Federal lotado no TSE (Tribunal Federal Eleitoral), estudou Jornalismo, Rádio e TV na UFRN, Publicidade na UNP, Gerenciamento de Projetos pela ESPM e atuou como assessor de comunicação em diversos órgãos e instituições, como o Dnocs (Departamento Nacional de Obras Contras as Secas), Sindifern (Sindicato dos Auditores Fiscais do RN) e, por cinco anos, foi responsável pela divisão de comunicação da empresa Temos Casa e Art Design, produtos que desenvolveu, produziu e dirigiu no Rio Grande do Norte, sendo um complexo de comunicação com programa de TV, programete de Rádio, revista e portal na internet.