Concursos Abertos Concursos 2020

Concurso DPDF: COMISSÃO FORMADA!

Maurício Miranda Sá Maurício Miranda Sá comentários
27/01/2020, às 05:58 • 4 semanas atrás

O concurso DPDF, para o cargo de Analista da Defensoria Pública, teve portaria publicada instituindo a comissão responsável pelo certame.

Veja:

CONFIRA A ASSINATURA ILIMITADA DO DIREÇÃO CONCURSOS

Os membros da comissão são:

  • GUILHERME LÚCIO DE MORAES;
  • GABRIEL MORGADO DA FONSECA;
  • LUÍS HENRIQUE NEVES GONZAGA MARQUES.

Autorização aconteceu, também, em janeiro

Na última semana, foi publicado, no Diário Oficial do Distrito Federal, a autorização do concurso DPDF, Defensoria Pública do Distrito Federal, com 60 vagas, para Analista de Apoio à Assistência Judiciária, além de um cadastro de reservas.

Veja:

  • Situação: autorizado
  • Cargo: Analista
  • Escolaridade: superior (Direito)
  • Remuneração: mais de R$ 5.200 inicial
  • Último edital: cique aqui

Confira nossa Assinatura Ilimitada neste link!

Esta notícia está caindo como uma bomba, pois não estava no radar dos concursos no Distrito Federal, que já trazem para este ano (2020) o concursos para a PC DF, CG DF e PG DF, aguardando, ainda, os concursos para PPGG DF, TCDF e outros.

Cursos para concursos públicos é no Direção Concursos.

Candidatos aprovados não poderão ser eliminados

No DF, vale lembrar a lei sancionada na primeira quinzena de janeiro (2020), pelo governador Ibaneis Rocha, de autoria do deputado Cláudio Abrantes, que dispõe sobre eliminação de candidatos não aprovados dentro do número de vagas disponíveis em editais do DF.

Artigo 1º

O artigo 1º da lei inclui na Lei 4.949/2012 o artigo 16-A, que tem a seguinte redação:

Art. 16-A. Os candidatos que não tenham sido classificados entre o quantitativo de vagas disponibilizadas no certame não podem ser considerados eliminados.

Remuneração

O cargo de Analista de Apoio à Atividade Judiciária exige nível superior de escolaridade em Direito e tem remuneração no valor de R$ 5.241,22, sendo a carga horária de 35 horas semanais.

Veja a remuneração de um ocupante do cargo, aprovado na última seleção, atualmente:

Atribuições do cargo Analista

  • Análise e pesquisa da legislação;
  • Doutrina e jurisprudência nos vários ramos do Direito;
  • Assessoramento aos Defensores Públicos;
  • Execução de atividades da mesma natureza e nível de complexidade determinadas em legislação específica;
  • Analisar processos judiciais e administrativos;
  • Confeccionar minutas de petições;
  • Emitir informações e pareceres;
  • Promover, sob a supervisão direta do Defensor Público, a solução extrajudicial dos litígios, visando à composição entre as pessoas em conflito de interesses, por meio de mediação, conciliação, arbitragem e demais técnicas de composição e administração de conflitos;
  • Conduzir, sob a supervisão direta do Defensor Público, audiência de mediação, conciliação e arbitragem;
  • Elaborar minuta de instrumento de transação, mediação ou conciliação a ser referendado pelo Defensor Público;
  • Auxiliar os membros da Defensoria Pública do Distrito Federal em audiências e diligências judiciais e extrajudiciais; entre outras.

Último concurso DPDF

O último concurso DPDF foi publicado em 2014, organizado pela banca FGV, para provimento de 15 vagas imediatas, além de 45 vagas para formação de Cadastro de Reservas.

para concorrer a uma vaga, o candidato deveria apresentar diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de Nível Superior em bacharelado em Direito, fornecido por instituição de ensino, reconhecido pelo Ministério de Educação, comprovado por meio de apresentação de original e cópia do respectivo documento, para o cargo pretendido.

Etapas do concurso DPDF 2014

O concurso DPDF foi aplicado em duas etapas distintas, sendo uma de provas objetivas de conhecimentos, conforme poderemos ver na imagem abaixo:

Foi considerado habilitado na Prova Escrita Objetiva o candidato que obteve 07 (sete) pontos do módulo Conhecimentos Básicos, 63 (sessenta e três) pontos do módulo Conhecimentos Específicos e 70 (setenta) pontos do total da prova, considerados os pesos atribuídos a cada questão de cada grupo de conhecimento.

Provas discursivas

Na prova discursiva, confira abaixo os critérios de correção apontados na última prova:

Foram eliminados do concurso público e não tiveram classificação alguma os candidatos que obtiveram aproveitamento inferior a 50% do total de pontos da Prova Escrita Discursiva.

Confira aqui o último edital

concurso dpdf dpdf edital dpdf

Maurício Miranda Sá

Jornalista no Direção Concursos e Servidor Público Federal lotado no TSE (Tribunal Federal Eleitoral), estudou Jornalismo, Rádio e TV na UFRN, Publicidade na UNP, Gerenciamento de Projetos pela ESPM e atuou como assessor de comunicação em diversos órgãos e instituições, como o Dnocs (Departamento Nacional de Obras Contras as Secas), Sindifern (Sindicato dos Auditores Fiscais do RN) e, por cinco anos, foi responsável pela divisão de comunicação da empresa Temos Casa e Art Design, produtos que desenvolveu, produziu e dirigiu no Rio Grande do Norte, sendo um complexo de comunicação com programa de TV, programete de Rádio, revista e portal na internet.