Concursos Abertos Concursos 2021

Concurso INSS: governo contrata apenas 2,9 mil dos 7,4 mil temporários

Maurício Miranda Sá Maurício Miranda Sá comentários
29/07/2020, às 08:05 • 3 meses atrás

Em março deste ano, o Governo Federal tornou pública medida provisória (MP) que permitia a contratação de servidores temporários no concurso INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).

A MP em questão expirou e, dos 7,4 mil novos temporários previstos, apenas 2,9 mil foram contratados.

De acordo com as informações do site G1, o processo de contratação lançado em abril, que oferecia as 7,4 mil vagas, foi finalizado e a entidade não mais fará contratações:

  • “Não haverá mais contratações neste processo. O INSS trabalhou dentro dos prazos previstos em edital e que, portanto, o quantitativo mencionado foi o que cumpriu os requisitos e prazos estipulados”, afirmou o INSS à reportagem.

Nesta matéria, você irá acompanhar mais detalhes sobre a perda da validade da MP em questão, bem como saber mais sobre o próximo concurso INSS. Por ora, confira uma dica de como estudar com os melhores materiais, pagando um valor baixo por isso:

Black November

Vem aí o Black November do Direção! Comece agora a pensar no seu futuro! ⠀

No dia 1 de Novembro, às 20h, acontecerá a maior Black Friday de todos os tempos. Clique na imagem abaixo e reserve a sua vaga no maior evento para concursos do ano, e esteja preparado para 2021:

Concurso INSS: medida provisória 922 perde validade

A MP 922, que permitiu o edital de temporários para a contratação de 7,4 mil novos agentes públicos no INSS, perdeu a validade em 30 de junho deste ano (2020). Das 7.400 contratações previstas, apenas 2.928 foram realizadas, sendo elas:

  • 494 aposentados de carreira no INSS;
  • 2.434 militares inativos e aposentados das demais carreiras do serviço público federal.

O primeiro grupo atuará, exclusivamente, na análise de requerimentos e o segundo grupo, atuará no apoio operacional e no atendimento ao público. Os contratos são válidos até dezembro de 2021 (31).

Conforme indica a entidade, parte dos contratados já foi treinada e outra parte encontra-se em fase de treinamento.

Ressalta-se que a fila de espera por benefícios do INSS é de mais de 1,4 milhão de pedidos.

Concurso INSS: situação atual

O INSS terá concurso provável apenas em 2022. Isso porque um novo pedido de autorização junto ao Ministério da economia não foi realizado este ano, o que é imprescindível para que pudesse ter edital em 2021.

A entidade respondeu que a nova seleção somente teria edital publicado, após o término do contrato servidores temporários (inativos e militares). Espera-se que esse contratados zerem a lista de espera de pedidos de benefícios. Veja:

  • “A estimativa é, até maio de 2021, ter concluído o dimensionamento e planejamento de recursos humanos de médio e longo prazo, que permitirá a programação de concursos a partir de 2022, quando acabam os contratos dos temporários”.

Um grupo de servidores, porém, tornou pública carta aberta com proposta de reestruturação do INSS.

No texto, esses servidores alertam sobre a necessidade de uma entidade forte:

  • “a necessidade urgente de uma proposta estruturante que fortaleça e reforce a importância da autarquia para a sociedade brasileira”.

O projeto é o Transforma INSS, o qual, dentre outros assuntos, pede realização periódica de concursos, mudança na carreira e Curso de Formação Profissional.

Concurso INSS: entidade diminui estoques de processos

No último dia 8 de julho, o TCU (Tribunal de Contas da União) promoveu um levantamento que indicou uma diminuição nos processos do INSS. Houve uma queda de 8,4%, durante o período de pandemia causada pelo coronavírus.

No entanto, houve um aumento de 123% no estoque de processos de auxílio por incapacidade. Ressalta-se que as perícias médicas estão suspensas desde o mês de maio e somene devem voltar em agosto.

O ministro do TCU, Bruno Dantas, que é relator do caso, disse que por algumas agências do INSS terem fechadas, os funcionários que faziam o atendimento foram realocados, para fazer uma análise de benefícios e, deve-se a isso a diminuição:

  • “O que se detectou nessa situação foi que, como as agências do INSS foram praticamente fechadas os funcionários que estavam alocados nesse atendimento estão trabalhando no processamento dos benefícios, o que ajudou a reduzir a fila”.

Assim, esse levantamento feito pela TCU apresentou que o estoque, que era de 1.603.354 em fevereiro, passou para 1.147.021 no mês de maio. 

Concurso INSS: cargos, salários e escolaridade

O último concurso INSS, tornado público em 2015 e com provas em 2016, foi aplicado pela banca Cespe, atual Cebraspe, e ofertou 950 vagas para os cargos de analista (serviço social) e técnico do Seguro Social.

Os requisitos básicos de investidura nos cargos foi de nível superior e nível médio, respectivamente, com salários de até R$ 7,6 mil. O órgão ainda tem em seus quadros o cargo de médico perito. Veja:

CARGOSREQUISITOSSALÁRIOS
TÉCNICO DO SEGURO SOCIALNÍVEL MÉDIO DE ESCOLARIDADER$ 5.186,79
ANALISTA DO SEGURO SOCIALNÍVEL SUPERIORR$ 7.659,87
MÉDICO PERITONÍVEL SUPERIORR$ 12.683,79

Resumo do Concurso INSS

concurso federal concurso inss concursos federais inss

Maurício Miranda Sá

Jornalista no Direção Concursos e Servidor Público Federal lotado no TSE (Tribunal Federal Eleitoral), estudou Jornalismo, Rádio e TV na UFRN, Publicidade na UNP, Gerenciamento de Projetos pela ESPM e atuou como assessor de comunicação em diversos órgãos e instituições, como o Dnocs (Departamento Nacional de Obras Contras as Secas), Sindifern (Sindicato dos Auditores Fiscais do RN) e, por cinco anos, foi responsável pela divisão de comunicação da empresa Temos Casa e Art Design, produtos que desenvolveu, produziu e dirigiu no Rio Grande do Norte, sendo um complexo de comunicação com programa de TV, programete de Rádio, revista e portal na internet.