Concursos Abertos Concursos 2022

Concurso PC PB: edital com 1.400 vagas está publicado; confira

Maurício Miranda Sá Maurício Miranda Sá comentários
28/09/2021, às 23:59 • 3 semanas atrás

O novo edital do concurso PC PB (Polícia Civil da Paraíba) foi publicado no dia 29 de setembro de 2021, com 1.400 vagas e já é considerado o maior editais de concurso público da história de corporação. A banca é o Cebraspe. Em 6 de outubro, porém, foram divulgadas as primeiras alterações.

Em entrevista concedida no último dia 24 de setembro, o governador afirmou que “Esse será o maior concurso que a Polícia Civil realizou na sua história” (Veja aqui). As vagas do concurso PC PB têm a seguinte distribuição:

  • Delegado (120 vagas)
  • Escrivão (515 vagas)
  • Agente de Investigação (400 vagas)
  • Perito Oficial Criminal – Geral (57 vagas)
  • Perito Oficial Criminal – Biologia (5 vagas)
  • Perito Oficial Criminal – Engenharia (10 vagas)
  • Perito Oficial Criminal – T.I (5 vagas)
  • Perito Oficial Médico – Legal/Geral (40 vagas)
  • Perito Oficial Médico – Legal/Psiquiatria (5 vagas)
  • Perito Oficial Médico – Legal/Patologia (5 vagas)
  • Perito Oficial Odonto – Legal/Geral (10 vagas)
  • Perito Oficial Químico – Legal/Geral (30 vagas)
  • Perito Oficial Químico – Legal/Química (5 vagas)
  • Técnico em Perícia (68 vagas)
  • Necrotomista (25 vagas)
  • Necrotomista – Enfermagem (40 vagas)

Retificações

A mais relevante das alterações no edital do concurso PC PB foi a republicação das disciplinas exigidas para todos os cargos. Detalhes sobre as disciplinas e conteúdos alterados na nova redação publicada você confere neste link.

Outra importante alteração foi no cargo de perito oficial criminal – área geral. Para mais detalhes, basta clicar neste link.

Análise do edital

Resumo concurso PC PB

  • Banca: Cebraspe
  • Cargos: diversos
  • Vagas: 1,4 mil
  • Escolaridade: superior
  • Salários: de R$ 3.726,73 a R$ 12.769,80
  • Período de inscrição: 8/10 até o dia 11/11
  • Taxa de inscrição: de R$ 180 a R$ 250
  • Data das provas objetivas: 9/1/22 e 16/1/22
  • Link do edital do concurso PC PB
senado e mais

Requisitos do concurso PC PB

Antes de mais nada, já é importante mencionar o seguinte: todos os cargos vão exigir nível superior completo.

Inicialmente, em 2008, quando o Estatuto da Polícia Civil da Paraíba foi sancionado, alguns dos cargos exigiam nível médio. No entanto, em 2010, uma lei complementar (94/2010) modificou as escolaridades.

Com isso, os pré-requisitos de escolaridade para os cargos do concurso PC PB são os seguintes:

  • DELEGADO
    • bacharelado em Direito
  • ESCRIVÃO
    • formação de nível superior
  • PERITO MÉDICO
    • formação de nível superior em Medicina e Odontologia
  • TÉCNICO EM PERÍCIA
    • formação de nível superior
  • NECROTOMISTA
    • formação de nível superior em enfermagem
  • AGENTE DE INVESTIGAÇÃO
    • formação de nível superior
  • PERITO CRIMINAL
    • formação em nível superior em: Análise de Sistemas, Ciências Biológicas, Biomedicina, Ciências Contábeis, Ciência da Computação, Engenharia, Farmácia, Física, Fonoaudiólogo, Ecologia, Geografia, Geologia, Medicina Veterinária, Química, Química Industrial (e outras graduações descritas no edital)
  • PERITO QUÍMICO
    • formação de nível superior em Química, Química Industrial, Farmácia, Farmácia Bioquímica ou Farmácia Industrial
  • PAPILOSCOPISTA
    • formação em nível superior

Além disso, conforme o último edital do concurso PC PB, os seguintes cargos exigiram também Carteira Nacional de Habilitação de, no mínimo, tipo B:

  • Agente de Investigação
  • Escrivão
  • Técnico em Perícia

Não foram exigidos nenhum mínimo de altura ou máximo de idade no último concurso público. Veja os requisitos de ingresso:

  • a) título de eleitor e comprovante de votação na última eleição e(ou) justificativa de não votação, em ambos os turnos, se for o caso;
  • b) comprovante de quitação com as obrigações militares, em caso de candidato do sexo masculino;
  • c) carteira de identidade civil;
  • d) carteira nacional de habilitação, válida a partir da categoria B, para todos os cargos;
  • e) diploma do curso de nível superior, conforme exigido para o cargo de concorrência, reconhecido pelo MEC;
  • f) certidões de antecedentes criminais da Justiça Federal, da Justiça Estadual ou da Justiça do Distrito Federal (para os residentes no Distrito Federal), da Justiça Militar Estadual e Federal e da Justiça Eleitoral, todas da cidade/município e(ou) da jurisdição onde reside referente aos últimos cinco anos;
  • g) duas fotos 3x4cm, coloridas, com fundo branco;
  • h) declaração de não estar cumprindo sanção por inidoneidade, aplicada por qualquer órgão público e(ou) entidade da esfera federal, estadual e(ou) municipal.

Qual o salário de um policial civil na Paraíba

Atualmente, o salário da PC PB é formado pelo subsídio e os policiais também podem receber adicionais por plantões e um adicional de risco de vida.

A última legislação que trata sobre o assunto tem data de 2010 (Lei 9.245/2010), quando um reajuste foi aprovado para incidir a partir de 2012.

No entanto, o sindicato ainda luta para que o último reajuste de 5% seja aplicado.

Conforme a tabela da lei aprovada, os salários dos cargos da estrutura da PC PB seguem a seguinte estrutura:

qual salário de um PC PB
quanto ganham policiais

Lembrando que, ao iniciar a carreira, o recém-aprovado recebe o valor corresponde a 3ª Classe e progride até a classe Especial.

Etapas do concurso PC PB

O concurso PC PB está dividido em diversas fases, sendo elas as seguintes:

  • Provas objetivas e discursivas
  • Prova de Capacidade Física
  • Avaliação Psicológica
  • Prova de digitação (somente Escrivão)
  • Avaliação de Títulos
  • Investigação Social
  • Curso de Formação

Disciplinas cobradas no concurso PC PB

  • Delegado
    • Português
    • Informática
    • Civil
    • Administrativa (dentro do conteúdo de civil)
    • Financeiro e tributário
    • Constitucional
    • Penal
    • Processo Penal
    • Legislação Especial
    • Medicina Legal
    • Criminalística e Criminologia
  • Escrivão
    • Português
    • Raciocínio Lógico
    • Estatística
    • Informática
    • Arquivologia
    • Constitucional
    • Administrativo
    • Penal
    • Processo Penal
    • Noções de legislação complementar à matéria penal e processual penal
  • Agente
    • Português
    • Raciocínio Lógico
    • Estatística
    • Informática
    • Arquivologia
    • Constitucional
    • Administrativo
    • Penal
    • Processo Penal
    • Noções de legislação complementar à matéria penal e processual penal
    • Contabilidade Geral
  • Cargos de polícia científica (4 a 13)
    • Português
    • Informática
    • Raciocínio Lógico Matemático
    • Criminalística
    • Medicina Legal
    • Administrativo
    • Penal
    • Processo penal
    • Específicas por cargo
  • Cargos de apoio técnico (14 a 17)
    • Português
    • Informática
    • Raciocínio Lógico Matemático
    • Administrativo
    • Penal
    • Processo penal
    • Específicas por cargo

TAF: Teste de Aptidão Física do concurso PC PB

Serão convocados para a prova de capacidade física todos os candidatos aprovados na prova discursiva do concurso PC PB. Dentre os testes previstos nessa etapa estão:

  • Teste de corrida de 12 minutos
    • A metodologia para a preparação e execução do teste de corrida de 12 minutos, para os candidatos
      dos sexos masculino e feminino, será a seguinte:
      • I – o candidato poderá, durante os 12 minutos, se deslocar em qualquer ritmo, correndo ou caminhando, podendo, inclusive, parar e depois prosseguir;
      • II – o início e o término do teste serão indicados ao comando da banca examinadora, emitido por sinal sonoro;
      • III – após o final do teste, o candidato deverá permanecer parado ou se deslocando em sentido perpendicular à pista, sem abandoná-la, até ser liberado pela banca;
    • Os candidatos deverão realizar como desempenho mínimo exigido no teste de corrida de 12 minutos:
      • I – masculino: 2.400 metros;
      • II – feminino: 2.000 metros.
    • Cada candidato terá apenas uma tentativa para realizar o teste, e não será permitido ao candidato:
      • I – uma vez iniciado o teste, abandonar a pista antes de ser liberado pela banca examinadora;
      • II – deslocar-se, no sentido progressivo ou regressivo da marcação da pista, após finalizados os 12 minutos, sem ter sido liberado pela banca;
      • III – dar ou receber qualquer tipo de ajuda física.
    • O teste do candidato será interrompido caso ocorram quaisquer das proibições previstas, sendo a distância percorrida desconsiderada, o que implicará a eliminação do candidato.
    • O teste de corrida de 12 minutos deverá ser aplicado em uma pista com condições adequadas, apropriada para corrida e com marcação escalonada a cada 10 metros.
    • O piso da pista de corrida de 12 minutos poderá ser asfáltico, de concreto, sintético, de carvão, de cascalho, de saibro, dentre outros tipos de materiais existentes.
    • O candidato será considerado apto ou inapto na prova de capacidade física.

O melhor material do mundo dos concursos públicos no preço que você pede durante os outros meses do ano. No dia 31 de outubro, é prudente que você participe da live de lançamento. É sério: participe. Algumas chances só aparecem uma vez na vida!

Agora as notícias mais quentes do mundo dos concursos públicos, também podem ser acompanhadas no Instagram do Direção News. Basta clicar aqui e acompanhar nossas atualizações diariamente! CLIQUE AQUI E SIGA AGORA MESMO!

concurso pc pb concurso pc pb 2020 concurso pc pb 2021 concurso policia civil paraiba edital pc pb edital pc pb 2021

Maurício Miranda Sá

Jornalista no Direção Concursos e Servidor Público Federal lotado no TSE (Tribunal Federal Eleitoral), estudou Jornalismo, Rádio e TV na UFRN, Publicidade na UNP, Gerenciamento de Projetos pela ESPM e atuou como assessor de comunicação em diversos órgãos e instituições, como o Dnocs (Departamento Nacional de Obras Contras as Secas), Sindifern (Sindicato dos Auditores Fiscais do RN) e, por cinco anos, foi responsável pela divisão de comunicação da empresa Temos Casa e Art Design, produtos que desenvolveu, produziu e dirigiu no Rio Grande do Norte, sendo um complexo de comunicação com programa de TV, programete de Rádio, revista e portal na internet.