Concursos Abertos Concursos 2022

Concurso PF: aluno Direção é aprovado após trocar a área fiscal: “Não desistam”

André Viana André Viana comentários
16/06/2021, às 13:34 • 1 mês atrás

O concurseiro Rafael Colombo mal imaginava, quando decidiu se inscrever no concurso PF (Polícia Federal) após ver as matérias fiscais no edital, que iria ser aprovado na 34ª colocação do primeiro concurso de sua vida.

Quer conhecer um pouco mais da sua história? Então vamos nessa!

Originalmente focado em se tornar servidor da Sefaz-PR, Colombo decidiu tentar a sorte como agente da Polícia Federal após perceber que a grande maioria do conteúdo que ele já estudava também serviria para o certame.

“Basicamente, eu já tinha visto toda a matéria. Faltava Processual Penal e uma parte de Penal que eu matei no pós-edital.”

Formado em engenharia química, o concurseiro diz acreditar que saber estatística foi o grande diferencial que o fez se sair bem na prova:

“Estatística sempre vem umas questões muito difíceis, né? Só que eu sou engenheiro químico, eu tive essa vantagem, então eu sabia bem estatística.”

Apesar de ter sido aprovado no concurso da PF, Rafael não pretende parar de estudar para os concursos da área fiscal. Segundo ele, o fato de ainda haverem etapas eliminatórias na Polícia Federal o faz acreditar ser melhor continuar se preparando para outras oportunidades.

Histórico do aprovado

Anteriormente um professor universitário, Rafael resolveu fazer concursos públicos após incentivos de um amigo. Ele conta que, após o início da pandemia, imaginou que o nível dos certames subiria:

“Eu falei ‘agora tá todo mundo estudando em casa’, né? Na minha cabeça estava todo mundo focado, tem que chegar num nível muito alto, tem que estudar tudo de uma vez”

Porém, os concursos demoraram a aparecer de novo. A falta de grandes concursos fiscais durante o ano de 2020 foi o que fez com que ele começasse a considerar o concurso PF.

Rotina de estudos

O concurseiro conta que começou a estudar ainda em janeiro do ano passado. Inicialmente reservando cerca de 6 horas líquidas por dia para o estudo, Rafael conta que, a princípio, ele não conseguia focar muito além disso.

Ele conta ainda que as aulas disponibilizadas pelo Direção Concursos ajudaram muito nesse processo:

“De noite, o que que eu fazia: pegava, abria o Youtube e assistia uma aula pra revisar. Pegava a aula da Operação 104, que sempre estava tendo alguma coisa diferente lá […], porque aquela hora de revisar era um momento que me ajudava, né?”

Além da aulas do projeto Operação 104, o concurseiro apontou que três de nossos professores foram fundamentais para a sua aprovação: O professor Arthur Lima, com suas aulas de estatística e raciocínio-lógico, o professor Victor Dalton, de informática, e o professor Igor Cintra, ensinando contabilidade.

Assinante de um de nossos pacotes completos, ele conta que o direcionamento dos professores foi de grande ajuda para a sua aprovação:

“Eu lembro sempre do professor Victor Dalton falando ‘isso daí não cai, vocês estão extrapolando o edital, esse tipo de coisa não vai cair’. E realmente não caiu! Caiu o que ele falou que ia cair.”

Faça parte do canal de Telegram para o compartilhamento de notícias em TEMPO REAL! Você nunca mais vai ficar de fora das novidades, clique aqui e participe.

Como ser Aprovado na PF

O aprovado na PF diz ainda que o que mais é preciso para passar em qualquer concurso é a consistência:

“Consistência e rotina. Você precisa criar essa consistência e rotina, sem isso você não passa. Eu não sou o cara mais inteligente também: eu estudava muito. Fiz a minha rotina e fui seguindo ela durante todo esse tempo.”

Este foi o primeiro concurso disputado por Rafael. Mesmo assim, ele garante que a chave do sucesso é a persistência:

“Galera, não desistam! É continuar tentando, batendo que você vai conseguindo alcançar o que você quer.”

Você conferiu um resumo sobre a entrevista com Rafael Colombo, aprovado na 34ª colocação no concurso PF. Na entrevista completa, você confere muitos mais detalhes sobre a sua história, assim como as formas que o PDF 2.0. do Direção o ajudou a passar na Polícia Federal.

Veja:

Prepare-se para a sua aprovação de maneira mais ágil, enxuta e completa com o incrível PDF 2.0: fruto da parceria entre Direção e Qconcursos, a plataforma proporciona uma nova experiência em estudos para concursos, totalmente integrada, com tecnologia avançada e que te dará a segurança de estar a cada dia mais próximo do seu sonho.

Essa foi a escolha do primeiro colocado no concurso PRF, Elton Carlos dos Santos, e também pode ser a sua! Aproveite as vantagens da Orange Week clicando na imagem abaixo:

concursos publicos
aprovado pf concurso pf entrevista com aprovado

André Viana

*Estagiário sob a supervisão da equipe de jornalismo

SAIBA MAIS