Concursos Abertos Concursos 2021

Concurso PRF: 10 informações importantes sobre o Curso de Formação Profissional

Maurício Miranda Sá Maurício Miranda Sá comentários
13/07/2020, às 10:28 • 4 meses atrás

Uma dúvida recorrente entre aqueles que almejam a uma vaga na Polícia Rodoviária Federal (concurso PRF) é, sem sombra de dúvidas, quanto ao Curso de Formação Profissional (CFP) e suas características.

O diretor-executivo do órgão, José Hott Júnior, vem sanando, semanalmente, algumas dessas dúvidas.

Recentemente, Hott respondeu as perguntas dos futuros policiais em seu Instagram oficial, dando ênfase ao CFP.

Nesta matéria, você irá colher todas as respostas de Hott Júnior, mas antes saiba que com o concurso PRF ficando cada dia mais próximo de ser uma realidade, a prioridade nos estudos tem que ser total.

Por isso, que tal estudar com os melhores materiais e preços que você pode pagar? Confira uma chance única de ter o PDF 2.0 ao alcance de seus mãos:

Concurso PRF: 10 informações importantes sobre o CFP

Abaixo, lista-se as 10 informações mais importantes dadas pelo diretor-executivo, sobre o Curso de Formação Profissional da PRF 2020 e os vindouros.

1. Dá para fazer o curso de tecnólogo conjuntamente com o CFP?

Para ingressar na PRF, é necessário possuir nível superior de escolaridade e muitos fazem a prova sem esse requisito básico, ingressando em um curso de tecnólogo, para suprir essa lacuna. Mas se não der tempo até a chamada no CFP, segundo diz Hott, é “Impossível” realiza-los de forma concomitante.

2. Qual a remuneração paga durante o CFP?

Durante o CFP o valor pago aos futuros Agentes da PRF é de pouco mais de R$ 5 mil, valor esse que é 50% do valor final do salário inicial na carreira, após a posse.

3. A hospedagem no CFP é paga pela PRF?

Conforme diz o diretor-executivo, a hospedagem é por conta do aluno e, por isso, existe a bolsa no valor de pouco mais de R$ 5 mil, para que esse tenha a possibilidade de arcar com essas despesas.

4. No CFP tem instrução de natação?

Houve, por tarde de José Lopes Hott, o esclarecimento sobre instrução de natação, que segundo afirma, não existe. Porém, deixou claro que o curso pode exigir “habilidades básicas em meios aquáticos” em determiandos momentos.

5. Os primeiros colocados no CFP podem escolhe o local de lotação?

Segundo informou, a escolha pela lotação se dá através da classificação geral no concurso, e não pelas melhores notas no CFP.

6. Qual a duração do CFP?

Apesar de não ter prazo fixado, o Curso de Formação Profissional de 2020 terá 16 semanas, ou seja, quatro meses. Em 2019, o CFP teve 14 semanas. O próximo concurso PRF pode trazer um CFP com duração diferente. Ou seja, o prazo sempre varia.

7. Aquele que já é servidor precisa pedir exoneração ou vacância no cargo de origem, para participar do CFP?

Não há essa necessidade. Para cursar o CFP, basta, ao candidato, pedir licença no cargo público que exerce e, caso aprovado, pedir vacância, com o intuito de tomar posse em outro cargo inacumulável.

8. Quais são os armamentos utilizados no CFP?

De acordo com Hott, tanto o sistema de armamento utilizado no Curso de Formação Profissional da PRF, quanto aquele utilizado no dia a dia da atuação no cargo é da marca Glock, cujos modelo e funcionalidade são de conhecimento interno.

9. Onde é realizado o CFP?

Outra dúvida respondida foi quanto ao local onde será realizado o Curso de Formação Profissional da PRF. O CFP é realizado na UNIPRF, em Florianópolis, Santa Catarina.

Anteriormente, outras academias já foram utilizadas, como a da Polícia Federal. Porém, com estrutura própria, tal episódio não deve se repetir. A capacidade do local é de 1.200 alunos.

10. Existe a possibilidade de desclassificação por falta?

A frequência de 100% das atividades no CFP é obrigatória, sendo verificadas diariamente. As informações dão conta de que só são permitidas faltas justificadas num total de 15%.

senado e mais
CURSOS COMPLETOS PRF 2020

Situação concurso PRF 2020

Como dito anteriormente, um novo concurso PRF (Polícia Rodoviário Federal) não para de esquentar está cada vez mais próximo.

Houve um pedido de autorização de 2.634 vagas no cargo de Policial Rodoviário, para provimento no órgão, com provas ainda em 2020. A solicitação de 138 oportunidades de nível médio não deve ser acatada pela Economia.

Sabe-se que a carreira policial é uma das mais valorizadas pelo atual governo, que se elegeu sob essa bandeira e vem sendo benevolente com certames da área.

Nas últimas semanas, vê-se o alto escalão do órgão divulgar notícias e novidades acerca de uma nova seleção, que é dada como certa por fontes internas.

Resumo Concurso PRF

carreira policial concurso federal concurso prf concurso prf 2020 concursos federais prf

Maurício Miranda Sá

Jornalista no Direção Concursos e Servidor Público Federal lotado no TSE (Tribunal Federal Eleitoral), estudou Jornalismo, Rádio e TV na UFRN, Publicidade na UNP, Gerenciamento de Projetos pela ESPM e atuou como assessor de comunicação em diversos órgãos e instituições, como o Dnocs (Departamento Nacional de Obras Contras as Secas), Sindifern (Sindicato dos Auditores Fiscais do RN) e, por cinco anos, foi responsável pela divisão de comunicação da empresa Temos Casa e Art Design, produtos que desenvolveu, produziu e dirigiu no Rio Grande do Norte, sendo um complexo de comunicação com programa de TV, programete de Rádio, revista e portal na internet.