Concursos Abertos Concursos 2021

Concurso Sefaz MG: pedido para 300 vagas; sindicatos pedem edital

Letícia Teixeira Letícia Teixeira comentários
30/04/2021, às 10:10 • 2 semanas atrás

A realização do novo concurso para a Secretaria de Fazenda do estado de Minas Gerais (concurso Sefaz MG) deverá ser solicitada ao governo do estado, conforme o apontado pelo secretário da Sefaz MG, Gustavo Barbosa.

A informação foi repassada no último dia 19 de abril durante reunião do sindicato dos auditores fiscais (Sindifisco-MG)e a entidade que representa os auditores fiscais ativos e aposentados (AFFEFMG).

Conforme o apontado durante o encontro, a Sefaz MG conta com 30% do quadro vago e outros quase 30% dos Auditores ativos em condições de se aposentar e, por isso, “não há dúvida sobre a necessidade imediata de abrir concurso para compor o quadro”.

Segundo o Secretário, ele tem essa consciência e se comprometeu a discutir com o Procurador Geral do Estado as medidas para viabilizar o encaminhamento do processo junto ao governo.

Remuneração concurso Sefaz MG

O último concurso ocorreu há treze anos e, por isso, a remuneração é baixa. Para se ter uma ideia, o cargo de Gestor Fazendário receberia, inicialmente, R$ 2.200,80 enquanto um Técnico Fazendário, R$ 930.

A atual tabela remuneratória apresenta outros dados. Hoje, um Gestor Fazendário pode receber, inicialmente até R$ 18.609,31. Enquanto um Técnico, pode receber até R$ 10.826,66.

Gestor Fazendário
Técnico Fazendário

Além disso, como o próximo concurso será para Auditor Fiscal, pode-se esperar uma boa remuneração. Isto porque, de acordo com a folha de pagamento atual dos servidores, os servidores chegam a receber quase R$ 30 mil de remuneração líquida.

Veja abaixo os exemplos de remuneração bruta de alguns servidores:

Sobre o último concurso Sefaz MG

O último concurso ocorreu há treze anos, realizado em 2007. A banca organizadora foi o NCE/RJ. Na época, foram ofertadas 400 vagas para Técnico Fazendário (nível médio) e 400 para Gestor Fazendário (nível superior).

O certame contou com apenas uma fase: provas objetivas. A divisão de questões e peso para Gestor Fazendário (Tributação e Arrecadação) foi a seguinte:

  • língua portuguesa: 15 questões com peso 1
  • matemática: 5 questões com peso 1
  • direito constitucional: 5 questões com peso 1
  • direito administrativo: 5 questões com peso 1
  • ética do servidor na Administração Pública: 5 questões com peso 1
  • informática: 5 questões com peso 1
  • contabilidade geral: 5 questões com peso 1,5
  • direito tributário: 10 questões com peso 1,5
  • legislação tributário: 25 questões com peso 1,5

Já para o cargo de Técnico Fazendário de Administração e Finanças, a divisão das questões e peso foi a seguinte:

  • língua portuguesa: 15 questões com peso 1
  • matemática: 10 questões com peso 1
  • noções de direito administrativo: 10 questões com peso 1
  • noções de direito tributário: 10 questões com peso 1
  • ética do servidor na administração pública: 5 questões com peso 1
  • informática: 10 questões com peso 1

Resumo

  • Situação: anunciado
  • Vagas: a definir
  • Cargos: auditor fiscal
  • Escolaridade: nível superior
  • Último edital

Assinatura Ilimitada

Prepare-se para a sua aprovação de maneira mais ágil, enxuta e completa com o incrível PDF 2.0: fruto da parceria entre Direção e Qconcursos, a plataforma proporciona uma nova experiência em estudos para concursos, totalmente integrada, com tecnologia avançada e que te dará a segurança de estar a cada dia mais próximo do seu sonho de passar em concurso público.

concurso sefa mg concurso sefa mg 2020 concurso sefaz mg concurso sefaz mg 2020 edital sefa mg edital sefa mg 2020 edital sefaz mg

Letícia Teixeira

Jornalista e subcoordenadora de jornalismo do Direção Concursos. Especializada em Narrativa Transmídia e Storytelling pela Universidade Católica de Brasília, possui experiência nas áreas de assessoria de imprensa, redação, SEO, UX Writing e marketing digital.