Concursos Abertos Concursos 2020

Edital SPPREV é PUBLICADO para 91 vagas

Maurício Miranda Sá Maurício Miranda Sá comentários
25/10/2019, às 06:42 • 2 meses atrás

Foi publicado, nesta sexta-feira (25/10/2019), o edital SPPREV 2019, conforme vinha sendo aguardado há alguns dias, desde a autorização e confirmação da banca Fundação Carlos Chagas (FCC) como organizadora.

São 91 vagas, sendo 14 para Analista em Gestão Previdenciária, e 77 para Técnico em Gestão Previdenciária, segundo já se tinha conhecimento.

Das 77 vagas, o cargo de Técnico separou 4 vagas para pessoas com deficiência e, no caso do cargo de Analistas, uma vaga, das 14 oferecidas, será destinada às pessoas com deficiência.

As vagas destinadas aos empregos públicos descritos neste edital serão para a cidade de São Paulo (onde as provas serão aplicadas), com exercício no prédio sede da SPPREV.

Veja o resumo:

Cargos e salários

O cargo de Analista em Gestão Previdenciária exige do candidato ter nível superior e oferece um salário de R$ 5.384,42.

Já o cargo de Técnico em Gestão Previdenciária exige apenas o ensino médio, ofertando uma remuneração que chega, inicialmente, ao valor e R$ 2.146,38.

Inscrições

As inscrições vão das 10h do dia 28 de outubro (segunda-feira), e vão até às 14h do dia 13 de novembro de 2019, exclusivamente, através da internet, o site da banca FCC.

O professor Arthur Lima já havia “cantado a pedra” desta concurso. Confira no vídeo abaixo:

Quais disciplinas serão exigidas no concurso SPPREV?

Para o cargo de Analista em Gestão Previdenciária, as provas serão de conhecimento gerais e específicos, com 50 assertivas trabalhadas da seguinte forma:

Conhecimentos Gerais:

  • Português (15), com peso 1;
  • Tecnologia da Informação (5), com peso 1.

Conhecimentos Específicos:

  • Direito Constitucional (5), com peso 3;
  • Direito Administrativo (6), com peso 3;
  • Direito Previdenciário (8), com peso 3;
  • Legislação (5), com peso 3;
  • Gestão Financeira e Orçamentária (3), com peso 3;
  • Recursos humanos(3), com peso 3.

Além das provas objetivas, serão exigidas, também, uma prova discursiva contendo uma redação, e a prova de títulos.

Já no caso das provas objetivas para Técnico em Gestão Previdenciária, também são 50 questões, mas a divisão ficou assim:

Conhecimentos Gerais:

  • Português (10), com peso 1;
  • Raciocínio Lógico e Matemática (5), com peso 1;
  • Informática (5), com peso 1.

Conhecimentos Específicos:

  • Direito Constitucional (6), com peso 2;
  • Direito Administrativo (9), com peso 2;
  • Legislação (9), com peso 2;
  • Noções de atendimento (6), com peso 2.

O candidato, para ambos os cargos, para ser considerado habilitado, deverá acertar, pelo menos, 40% em cada uma das provas de conhecimentos (gerais e específicos).

Quantas redações serão corrigidas?

O número de candidatos habilitados e melhor classificados terão suas redações corrigidas, caso figurem nas seguintes colocações:

  • Analista em Gestão Previdenciária – 140;
  • Técnico em Gestão Previdenciária – 770

Perceba que serão corrigidas 10 vezes o número de cagas para cada cargo.

Confira o conteúdo exigido em cada disciplina

Analista em Gestão Previdenciária

Técnico em Gestão Previdenciária

concurso spprev edital spprev

Maurício Miranda Sá

Jornalista no Direção Concursos e Servidor Público Federal lotado no TSE (Tribunal Federal Eleitoral), estudou Jornalismo, Rádio e TV na UFRN, Publicidade na UNP, Gerenciamento de Projetos pela ESPM e atuou como assessor de comunicação em diversos órgãos e instituições, como o Dnocs (Departamento Nacional de Obras Contras as Secas), Sindifern (Sindicato dos Auditores Fiscais do RN) e, por cinco anos, foi responsável pela divisão de comunicação da empresa Temos Casa e Art Design, produtos que desenvolveu, produziu e dirigiu no Rio Grande do Norte, sendo um complexo de comunicação com programa de TV, programete de Rádio, revista e portal na internet.