Logo Direção Concursos
Pesquisa
Banner artigos

Estilos de liderança de White e Lippitt, esses estilos despencam em provas de concurso público.

icons
icons
icons
icons
icons
Imagem do autor do artigo

Marcelo Soares13/07/2022

13/07/2022

Fala pessoal!

Professor Marcelo Soares na área para mais um bate-papo.

Antes de começarmos, quero te deixar dois convites especiais, de acordo com a sua necessidade.

Se você gosta de praticar com questões comentadas gratuitas, sugiro que conheça o Administração faixa preta, que é o maior canal de questões comentadas de administração do Telegram. São mais de 500 questões!!! Além das questões, você tem áudios e videoaulas exclusivas.

Se você acha Administração muito subjetiva, sugiro que me acompanhe lá no Instagram (@profmarcelosoares). Por lá, eu posto algumas dicas, esquemas e exemplos que vão te mostrar que a Administração faz parte do nosso dia a dia e que você pode superar SIM esse sentimento de subjetividade ao entender melhor os conceitos e as fontes das bancas organizadoras. Entra lá e me manda uma mensagem com sua maior dificuldade, ok?

Pois bem. Feito os convites, vamos ao que interessa. Hoje, conversaremos sobre Estilos de liderança – White e Lippitt

Tópico muito cobrado em provas!!

Essa é a classificação mais famosa de liderança. Os resultados de White e Lippitt tiveram uma enorme repercussão nos Estados Unidos e foram responsáveis por um intenso debate acadêmico e a revisão de muitas práticas de gestão de pessoas.

Os autores criaram um modelo que enquadrava os líderes dentro de três estilos de liderança: líder autocrático, líder democrático e líder liberal. Esse enquadramento era realizado a partir das atitudes dos líderes em relação à tomada de decisão, divisão do trabalho, atuação do líder e programação do trabalho, conforme exposto no quadro abaixo:

Após criarem esse modelo, White e Lippit avaliaram os resultados desses estilos de liderança em relação à produtividade, qualidade e satisfação dos liderados. Chiavenato (2016, p.134) sintetiza muito bem os resultados obtidos: “Os grupos submetidos à liderança autocrática apresentaram maior volume de trabalho, produzido com evidentes sinais de tensão, frustração e agressividade. Sob liderança liberal, os grupos não se saíram bem quanto à quantidade e à qualidade, com sinais de forte individualismo, desagregação do grupo, insatisfação, agressividade e pouco respeito ao líder. Com a liderança democrática, os grupos não chegaram a apresentar um nível quantitativo de produção tão elevado como quando submetidos à liderança autocrática, porém a qualidade do seu trabalho foi surpreendentemente melhor, acompanhada de um clima de satisfação, integração grupal, responsabilidade e comprometimento das pessoas. A partir dessa pesquisa, passou-se a defender intensamente o papel da liderança democrática – perfeitamente compatível com o espírito americano da época – extremamente comunicativa, que encoraja a participação das pessoas, é justa e não arbitrária, preocupando-se igualmente com os problemas das tarefas e das pessoas”

Vamos fixar com algumas questões?

FGV – SEE-PE – Professor de Administração- 2016)

Os tipos de liderança são parte importante da Administração, porque afetam a forma como (e quais) as decisões serão tomadas e, no limite, interferem na capacidade produtiva da organização. Independentemente do tipo de resultado alcançado é necessário que o administrador saiba reconhecer o tipo de liderança, a fim de adequar sua estratégia e o planejamento a ele. Assinale a opção que indica, respectivamente, a liderança mais centralizadora e a menos centralizadora.

a) Tirânica e Democrática.

b) Autocrática e Democrática.

c) Autocrática e Laissez-faire.

d) Tirânica e Laissez-faire.

e) Democrática e Laissez-faire.

COMENTÁRIO:

Essa questão envolve o modelo clássico de liderança por White e Lippit. Os autores criaram um modelo que enquadrava os líderes dentro de três estilos de liderança: líder autocrático, líder democrático e líder liberal. Esse enquadramento era realizado a partir das atitudes dos líderes em relação à tomada de decisão, divisão do trabalho, atuação do líder e programação do trabalho.

A liderança autocrática é caracterizada pela centralização das decisões, apenas o líder decide e fixa as diretrizes, sem qualquer participação do grupo. Na liderança autocrática as diretrizes são debatidas e decididas pelo grupo que é estimulado e assistido pelo líder.

Já na liderança liberal há total liberalidade para a tomada de decisões grupais ou individuais, com participação mínima do líder.

A ordem da mais centralizada para a mais descentralizada fica: Autocrático => democrático=> Liberal. Portanto, Alternativa C está correta.

Vale a pena mencionar o estilo tirânico ou coercitivo de liderança. Apesar de não estar entre as lideranças clássicas, o estilo tirânico é caracterizado por querer que as coisas sejam feitas, e sejam feitas agora e sem desculpas. Esse tipo de liderança se assemelha a um sargento durão do exército: inflexível, objetivo e insensível. O líder coercivo dará as instruções detalhadamente, garantindo que não haja erros. Porém, se houver erros, eles terão sérias consequências negativas.

Gabarito: Letra  C

FGV – SEE-PE – Professor de Comércio – 2016)

A liderança é essencial em todas as funções da administração: o administrador precisa conhecer a natureza humana e saber conduzir as pessoas. Os estudos da liderança se referem àquilo que o líder faz, isto é, o seu estilo de comportamento para liderar. A teoria mais conhecida refere-se a três estilos de liderança. Assinale a opção que apresenta os tipos de liderança segundo o comportamento do líder em relação aos seus liderados. a) Física – intelectual – social.

b) Interpessoal – funcional – redutiva.

c) Autocrática – consultiva – participativa.

d) Personalista – situacional – comportamental.

e) Autocrática – liberal – democrática.

COMENTÁRIO:

Questão bem tranquila sobre o modelo clássico de liderança por White e Lippit. Os autores criaram um modelo que enquadrava os líderes dentro de três estilos de liderança: líder autocrático, líder democrático e líder liberal. Esse enquadramento era realizado a partir das atitudes dos líderes em relação à tomada de decisão, divisão do trabalho, atuação do líder e programação do trabalho.

De cara já podemos marcar a alternativa E como correta.

FEPESE – TCE/SC – Auditor Fiscal de Controle Externo – 2006) As teorias sobre estilos de liderança estudam a liderança em termos de estilos de comportamentos do líder em relação aos seus subordinados. Dentre os estilos de lideranças pode-se destacar o autocrático, democrático e liberal.

Assinale abaixo a alternativa que representa o comportamento do líder democrático:

a) Apenas o líder fixa as diretrizes sem qualquer participação do grupo.

b) As diretrizes são debatidas e decididas pelo grupo, estimulado e assistido pelo líder.

c) A participação do líder no debate é limitada, apresentando apenas materiais variados ao grupo, esclarecendo que poderia fornecer informações desde que as pedissem.

d) O líder determina qual a tarefa que cada um deve executar e qual o seu companheiro de trabalho.

e) Há liberdade completa para as decisões grupais ou individuais, com participação mínima do líder.

COMENTÁRIO:

Alternativa A. Errado. Característica do líder autoritário.

Alternativa B. Certo. O apoio e a assistência do líder no estabelecimento das diretrizes são característica do líder democrático.

Alternativa C. Errado. Característica do líder liberal.

Alternativa D. Errado. Característica do líder autoritário.

Alternativa E. Errado. Característica do líder liberal.

Gabarito: Letra B.

Espero que tenha curtido nosso bate-papo de hoje. Se quiser aprofundar seus conhecimentos em Administração, sugiro que conheça nossos cursos.

Além disso, se gosta de material gratuito de Administração, não deixa de conferir nosso canal no Telegram e nosso canal no Youtube.

Forte Abraço e até o nosso próximo encontro.

administraçãoconcursos públicosLiderança
Marcelo Soares

Marcelo Soares

Auditor do Estado do Mato Grosso. Graduado em Administração, pós-graduado em Gestão Pública e mestre em Administração (Estratégia e Governança Corporativa). Aprovado e nomeado nos cargos de Auditor do Estado do Mato Grosso, Auditor Fiscal da Receita Municipal de Cuiabá, Auditor Governamental do Piauí, duas vezes para Analista Judiciário - área administrativa (TRF-1ª, TRT-11ª), Administrador da EBCT, Administrador da Secretaria de Cultura do Amazonas, Administrador da Secretaria de Infraestrutura do Amazonas, Agente de Fomento - área administrativa da AFEAM.

Tenha acesso completo a todo o conteúdo do Direção Concursos

Acesse todas as aulas e cursos do site em um único lugar.

Cursos Preparatórios para Concursos Públicos em destaque

1 | 11

Artigos Relacionados

Receba nossas novidades!

Fique por dentro dos novos editais e de todas as principais notícias do mundo dos concursos.

Utilizamos cookies para proporcionar aos nossos usuários a melhor experiência no nosso site. Você pode entender melhor sobre a utilização de cookies pelo Direção Concursos e como desativá-los em saiba mais.