Logo Direção Concursos
Pesquisa

Concurso Banestes: o que faz um analista de Tecnologia da Informação?

Concurso Banestes: o que faz um analista de Tecnologia da Informação?

O edital do concurso público do Banco do Estado do Espírito Santo (concurso Banestes) foi publicado e está com as inscrições abertas até o dia 18 de novembro.

O certame oferta oportunidades para um cargo específico dentro do banco, que receberá salários iniciais por volta de R$ 4,7 mil sem contar eventuais benefícios.

Mas quais serão as atribuições de um recém-aprovado? O que um Analista da Tecnologia da Informação será responsável? Confira abaixo a resposta para estas perguntas:

O que faz um analista de T.I no Banestes

Um analista de Tecnologia da Informação no Banestes será responsável pela experiência do cliente, trabalho em equipe, inovação, alta performance, conduta ética, domínio técnico/conhecimento do trabalho, equilíbrio emocional, atuação integrada.

Além disso, ele precisará ter os conhecimentos e as habilidades específicas em atenção concentrada e difusa, capacidade de análise, planejamento e organização, criatividade, iniciativa, comunicabilidade, raciocínio lógico, numérico e abstrato, relacionamento interpessoal.

Confira abaixo as atribuições em comum para um Analista de Tecnologia da Informação:

  • Participar de equipes multidisciplinares para diagnóstico, elaboração, análise e implantação de serviços, programas e projetos relacionados à sua área de atuação;
  • Disseminar conhecimentos sobre as atividades da sua área de atuação;
  • Elaborar relatórios e/ou parecer técnico, inerentes à sua área de atuação;
  • Interagir com fornecedores de produtos e serviços, para condução dos trabalhos da sua área de atuação;
  • Identificar oportunidades de aplicação da tecnologia, coletar e analisar as informações pertinentes para sugerir a melhor solução de tecnologia da informação;
  • Planejar e conduzir demandas e projetos relacionados à sua área de atuação;
  • Desenvolver especificações técnicas de produtos, serviços ou equipamentos relacionados à sua área de atuação, conforme legislação específica, para instrução de processo licitatório;
  • Subsidiar gestor imediato na gestão de contratos e aquisições de soluções da sua área de atuação;
  • Homologar produtos, serviços ou equipamentos adquiridos e/ou contratados, relacionados à sua área de atuação;
  • Elaborar documentação necessária como roteiros, manuais, procedimentos e normativos inerentes à sua área de atuação;
  • Prestar suporte aos usuários e atender aos incidentes inerentes à sua área de atuação;
  • Executar outras atividades correlatas, de mesma natureza e grau de complexidade, necessárias aos interesses da instituição.
  • Prospectar e pesquisar soluções e processos, bem como projetar, planejar e adotar ações para viabilizar a sua implementação no ambiente de tecnologia da informação;
  • Identificar, mapear e modelar os processos de gestão de serviços de tecnologia da informação;
  • Elaborar, manter, prestar suporte e atuar na utilização de ferramentas e processos de gestão de serviços e projetos referentes à tecnologia da informação;
  • Interagir com as áreas de tecnologia da informação na definição e implantação de metodologias e ferramentas de gestão de serviços e projetos relacionados à tecnologia da informação;
  • Prospectar, mitigar e comunicar riscos de processos e operacionais de TI;
  • Desenvolver e manter os fluxos de carga de dados, documentar os dados armazenados e os processos.
  • Mapear e solucionar problemas de integração de fontes de dados e/ou alteração de fluxo de dados.
  • Levantar requisitos para construção de data sources analíticos.
  • Implementar dashboards, cubos, datamarts e otimização de consultas.
  • Implementar modelos de dados para suportar consultas de indicadores, informações sintéticas e analíticas.
  • Produzir análises detalhadas sobre comportamento de clientes, modelos estatísticos, fonte de dados e outras questões estratégicas.
  • Produzir modelos estatísticos e preditivos, aplicar técnicas de agrupamento e classificação, produzir algoritmos e explorar dados.
  • Prospectar, pesquisar e projetar soluções relacionadas aos canais eletrônicos e propor às áreas competentes para análise, validação e decisão quanto à implantação;
  • Prover e controlar qualitativamente e quantitativamente informações relacionadas aos produtos e serviços disponibilizados nos canais eletrônicos;
  • Identificar necessidade de integração de aplicativos e soluções utilizados nos canais eletrônicos, submetendo-as para análise e validação para decisão quanto à implantação;
  • Pesquisar práticas e soluções de mercado quanto aos produtos e serviços disponibilizados em canais eletrônicos;
  • Atuar, em conjunto com os gestores, na análise de processos de negócio, desde o levantamento de requisitos até a sua concepção final;
  • Planejar, monitorar e implementar ações, em conjunto com os gestores, para viabilizar o adequado funcionamento e disponibilidade dos canais eletrônicos;
  • Prestar suporte às áreas de infraestrutura e de desenvolvimento de sistemas na realização de testes e homologação;
  • Avaliar a qualidade dos produtos, serviços e informações dos canais eletrônicos, compatibilizar com a infraestrutura disponível e validar os padrões com as áreas competentes.

Agora, o edital do concurso Banestes foi dividido em diferentes especialidades. Confira abaixo as atribuições de cada uma delas:

Suporte e Infraestrutura

  • Projetar, instalar, configurar, atualizar, prestar suporte, administrar e recuperar infraestrutura de Dados, Plataformas Computacionais, Telecomunicações e Segurança;
  • Instalar, configurar, atualizar, prestar suporte e fazer manutenção de sistemas operacionais e demais softwares utilizados para produtividade dos usuários finais;
  • Prospectar e pesquisar soluções, projetar e implementar novas tecnologias, bem como introduzi-las no ambiente de tecnologia da informação e de telecomunicações;
  • Pesquisar e implementar soluções, especificar e definir parâmetros de desempenho, configuração e instalação de hardware, software e serviços no ambiente de tecnologia da informação e telecomunicações;
  • Projetar, instalar, configurar, atualizar, prestar suporte, administrar e recuperar soluções para integração entre serviços diversas plataformas tecnológicas computacionais existentes;
  • Definir e implementar padrões de configuração no ambiente tecnológico e de telecomunicações;
  • Elaborar e aplicar metodologias para gerenciar ambientes de tecnologia da informação e de telecomunicações, bem como para diagnosticar falhas nas plataformas tecnológicas computacionais existentes;
  • Interagir com a área de sistemas na definição e implantação de metodologias e ferramentas para desenvolvimento e construção de soluções de software nos diversos ambientes de tecnologia da informação e telecomunicações;
  • Planejar, controlar e implementar as rotinas de produção;
  • Identificar e propor melhorias às rotinas e processos implantados;
  • Levantar os custos da utilização dos recursos dos sistemas em produção, visando à sua otimização;
  • Identificar e propor requisitos de infraestrutura para atender às demandas de soluções de sistemas;
  • Projetar, configurar e implementar ambientes de desenvolvimento, testes, homologação e produção dos
    sistemas nas diversas plataformas existentes.

Desenvolvimento de Sistemas

  • Pesquisar soluções de sistemas;
  • Realizar avaliações e elaborar parecer técnico sobre incidentes nos sistemas;
  • Atuar de acordo com a metodologia de aquisição, gestão, desenvolvimento e manutenção de sistemas;
  • Homologar sistemas e serviços adquiridos e/ou contratados;
  • Definir, manter e prestar suporte à utilização dos métodos e processos que deverão ser utilizados no desenvolvimento e manutenção dos sistemas;
  • Levantar, especificar, modelar, codificar, testar, implantar, manter e documentar sistemas, de acordo com a metodologia, linguagens e ferramentas de desenvolvimento adotadas;
  • Analisar o desempenho do sistema acerca da utilização dos recursos tecnológicos e implementar ações de melhorias;
  • Estimar custos e elaborar análise de viabilidade técnica, para subsidiar a tomada de decisão quanto à implantação dos sistemas;
  • Planejar e conduzir a implantação e atualização de sistemas adquiridos e/ou contratados;
  • Analisar e validar, previamente ao aceite definitivo, as soluções e documentações técnicas e demais entregas previstas na metodologia de desenvolvimento e manutenção dos sistemas, inclusive as realizadas por empresas contratadas;
  • Manter as informações atualizadas nas ferramentas de gestão definidas pela área.
  • Elaborar os cenários e casos de testes, especificar a massa de dados para testes, elaborar e implementar os procedimentos (scripts) e roteiros de teste.
  • Planejar e desenvolver automatizações de testes unitários, testes integrados e testes de performance.
  • Definir e implementar requisitos de segurança, garantindo o desenvolvimento seguro de software com modelagem de ameaças, revisão do código e testes de segurança.
  • Planejar, estruturar, desenvolver e monitorar soluções de TI com base na estratégia e na necessidade de negócio da organização.
  • Propor evoluções técnicas na arquitetura de software base.
  • Elaborar, manter, prestar suporte, validar e atuar na utilização dos métodos de mensuração e dimensionamento de sistemas.

Segurança da Informação

  • Prospectar e pesquisar tecnologias e soluções relacionadas à segurança da informação e propor às áreas competentes para análise, validação e decisão quanto à implantação;
  • Prestar suporte às áreas competentes na configuração do ambiente tecnológico, no que se refere à segurança da informação, conforme normativos específicos e boas práticas de mercado;
  • Analisar a criação e manutenção de perfis de acesso aos sistemas;
  • Monitorar as exceções da comunicação, bem como reportá-las ao superior imediato;
  • Realizar as atividades do processo de gestão de incidentes de segurança cibernética e da informação, incluindo o monitoramento, a resposta, a recuperação e o compartilhamento de incidentes com outras instituições financeiras e reguladores, quando cabível;
  • Acompanhar a prestação dos serviços de gestão de vulnerabilidades e testes de invasão, incluindo o planejamento, a execução, a análise dos resultados, a proposição das recomendações, bem como acompanhar do tratamento das vulnerabilidades de segurança junto às equipes de TI do Banestes;
  • Realizar o controle do ciclo de vida dos certificados digitais, bem como o processo de aquisição junto a fornecedores externos;
  • Avaliar a qualidade das gravações telefônicas de forma periódica.

Panorama

A banca FGV tornou público o edital do concurso Banestes (Banco do Estado do Espírito Santo S.A.) com oportunidades no cadastro de reservas, para os cargos de Analista em Tecnologia da Informação (Desenvolvimento de Sistemas; Suporte e Infraestrutura; e Segurança da Informação), cujo requisito é possuir nível superior.

As inscrições para o concurso Banestes se encontrarão abertas de 28 de outubro de 2021 a 18 de novembro de 2021, com taxa de R$ 78. As provas serão aplicadas em 19 de dezembro de 2021, das 13h às 17h, segundo o horário oficial da cidade de Vitória-ES.

Resumo concurso Banestes

  • concurso Banestes
  • situação: edital publicado
  • cargos: analista de TI
  • funções: diversas
  • escolaridade: nível superior
  • inscrições: de 28 de outubro de 2021 a 18 de novembro de 2021
  • taxa: R$ 78
  • provas: 19 de dezembro
  • Edital aqui
  • Cursos aqui

Fevereiro vai ser MELHOR que janeiro!

Se janeiro foi bom para o mundo dos concursos, não se engane: fevereiro pode ser AINDA MELHOR.

Muita gente acha que o ano só começar depois do carnaval.

Spoiler: o nome deles não vai sair no Diário Oficial como aprovado em 2024.

Você que quer estar entre os primeiros e ser aprovado ainda neste ano, só tem uma DIREÇÃO a seguir. Clique na imagem abaixo e mude seu destino:

concursos publicos
Larissa Lustoza

Larissa Lustoza

Graduada em Jornalismo, já foi estagiária na área de Assessoria de Comunicação na Secretaria de Cultura do Distrito Federal, repórter por um ano no projeto de extensão da faculdade e estagiária no jornal online Metrópoles. Além disso, possui habilitação em design gráfico e em Lei de Acesso à Informação.

Tenha acesso completo a todo o conteúdo do Direção Concursos

Acesse todas as aulas e cursos do site em um único lugar.

Utilizamos cookies para proporcionar aos nossos usuários a melhor experiência no nosso site. Você pode entender melhor sobre a utilização de cookies pelo Direção Concursos e como desativá-los em saiba mais.