Logo Direção Concursos
Pesquisa

Concurso PC PA: edital alterado; mudança na prova discursiva, TAF e mais

Concurso PC PA: edital alterado; mudança na prova discursiva, TAF e mais

O Diário Oficial do Pará tornou públicas retificações (alterações) e inclusões de novos itens no edital publicado do concurso PC PA na última semana de novembro.

Dentre os itens modificados ou incluídos, estão questões relacionadas ao TAF (Teste de Aptidão Física), candidatas grávidas, inscrições, provas discursivas, requisitos e demais etapas como exame médico e psicológico.

Nesta matéria, o jornalismo do Direção Concursos separou as principais alterações feitas no edital do concurso PC PA. Antes, porém, saiba que você pode estudar para esse certame com o PDF 2.0.

pc pa e mais
Confira os cursos do Direção para este concurso

Estude para o concurso PC PA com o PDF 2.0

Você já sabe o que o PDF 2.0 que todo mundo está comentando? O professor Ronaldo Fonseca preparou um vídeo com todas as explicações sobre essa ferramenta que vai fazer toda a diferença na sua preparação:

Concurso PC PA: principais alterações no edital

Grande parte das alterações vistas no edital do concurso PC PA foi de erros formais no texto original e não trazem grandes mudanças determinantes para os candidatos. Algumas, porém, devem deixar os concurseiros atentos.

  • Deferimento solicitação de condições especiais para a realização das provas

Houve mudança quanto à data de deferimento das solicitações para condição especial na realização das provas. Antes, esse prazo era o dia 10 de dezembro, mas foi estendido para o dia 10 de fevereiro de 2021.

  • Mudança na prova discursiva

Antes, a prova discursiva poderia exigir apenas conhecimentos específicos previstos no edital. Agora, porém, além disso pode cobrar também questões de conhecimentos comuns aos cargos.

  • Teste de Aptidão Física (TAF)

Outra retificação importante foi no TAF para candidatos do sexo masculino. Antes, a prova de corrida exigia 2.200 metros em 12 minutos. Essa distância diminuiu para 2.000 metros.

Concurso PC PA: principais alterações no edital
  • Candidatas grávidas

Um ponto que também foi retificado e incluído no concurso PC PA é quanto as condições de realização de etapas da seleção por candidatas grávidas. As novas disposições trazem prazos para remarcação do TAF e punição das candidatas em caso de declaração falsa.

  • Requisitos para ingresso no cargo de investigador de Polícia Civil

No edital original, o requisito principal de ingresso no cargo era ter, apenas, graduação de nível superior completo, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação.

Agora, além disso é necessário possuir Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do tipo “B”. Abaixo, você confere no detalhe essa alteração no concurso PC PA:

Concurso PC PA: principais alterações no edital

Esteja entre os PRIMEIROS em Fevereiro

O ano começa antes do carnaval, e você pode ser um dos primeiros a começar a estudar antes de todo mundo!

Spoiler: o nome deles não vai sair no Diário Oficial como aprovado em 2024.

Você que quer estar entre os primeiros e ser aprovado ainda neste ano, só tem uma DIREÇÃO a seguir. Clique na imagem abaixo e mude seu destino:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é OFERTA_FEVEREIRO_Mobile_600x780px.jpg

Resumo

  • banca: AOCP
  • cargos: investigador, escrivão e papiloscopista
  • vagas:
  • inscrições: 7/12 a 4/02
  • taxa: R$ 70 e R$ 140
  • prova: 28/03/2021 / 21/03/2020 (delegado)
  • salários: até R$ 18.050,00
  • Edital neste link
  • Cursos completos aqui!
NOTÍCIAS concurso pc pa

Fique por dentro de todas as novidades de concurso público por meio do canal do Direção News, no youtube. Acesse aqui!

concurso estadualconcurso pc paconcurso pc pa alteradoconcurso pc pa retificadoConcurso Polícia Civilconcurso polícia civil do paráConcurso publicoconcursos estaduaisconcursos públicosedital pc pa
Maurício Miranda Sá

Maurício Miranda Sá

Jornalista no Direção Concursos e Servidor Público Federal lotado no TSE (Tribunal Federal Eleitoral), estudou Jornalismo, Rádio e TV na UFRN, Publicidade na UNP, Gerenciamento de Projetos pela ESPM e atuou como assessor de comunicação em diversos órgãos e instituições, como o Dnocs (Departamento Nacional de Obras Contras as Secas), Sindifern (Sindicato dos Auditores Fiscais do RN) e, por cinco anos, foi responsável pela divisão de comunicação da empresa Temos Casa e Art Design, produtos que desenvolveu, produziu e dirigiu no Rio Grande do Norte, sendo um complexo de comunicação com programa de TV, programete de Rádio, revista e portal na internet.

Tenha acesso completo a todo o conteúdo do Direção Concursos

Acesse todas as aulas e cursos do site em um único lugar.

Utilizamos cookies para proporcionar aos nossos usuários a melhor experiência no nosso site. Você pode entender melhor sobre a utilização de cookies pelo Direção Concursos e como desativá-los em saiba mais.